Concerto em formas brasileiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Concerto para piano e orquestra em formas brasileiras, op.105 n°2 foi escrito em 1938 por Hekel Tavares e tem 3 movimentos:

1- Modinha (Tempo de batuque - lento com simplicitá)

2- Ponteio (Largo - molto cantabile ed expressivo)

3- Maracatu (Lento, ma vigoroso)

Esse concerto é considerado o único concerto romântico brasileiro e um dos melhores do gênero.

Uma das melhores gravações do Concerto para piano e orquestra em formas brasileiras, op.105 n°2 foi feita em 2002 pela Orquestra Sinfônica Petrobrás Pró Música com Roberto Tibiriçá (regência) e Arnaldo Cohen (piano) ao vivo no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.