Cracker (pejorativo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Cracker (desambiguação).
"Um par de crackers da Geórgia" conforme descrito pelo ilustrador James Wells Champney nas memórias The Great South de Edward King, 1873

Cracker, às vezes white cracker (cracker branco) ou cracka, é insulto étnico direcionado a pessoas brancas,[1][2][3] usado especialmente contra pessoas brancas pobres de zonas rurais do sul dos Estados Unidos. Às vezes é usado em um contexto neutro em referência a um nativo da Flórida ou da Geórgia.[4]

Referências

  1. Cash, Wilbur Joseph (1941). The Mind of the South. [S.l.]: Vintage Books. ISBN 9780679736479. Consultado em 12 de setembro de 2020 
  2. Foreman, Tom. «'Cracker' conveys history of bigotry that still resonates». CNN. Cable News Network. Consultado em 12 de setembro de 2020 
  3. «Cracker». Merriam Webster Online Dictionary. Consultado em 12 de setembro de 2020 
  4. Ste. Claire, Dana (2006). Cracker: Cracker Culture in Florida History. [S.l.]: University Press of Florida 
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.