Cultura do futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Torcedores do West Bromwich Albion comemorando a salvação do rebaixamento de 2005.

A Cultura do futebol refere-se aos aspectos culturais através do futebol, não ao jogo em si, mas ao tudo o que faz relacionar com a sociedade em sua volta.[1]

O futebol como desporto envolve um grande número de torcedores (adeptos) e faz com que os torcedores envolvam-se a paixão por seus clubes a associarem-se, comprarem e adquirirem produtos de seus clubes, e organizam-se diversas ações comunitárias e sociais, ou no sentido contrário associações não benéficas como os hooligans.

Na mídia, o futebol faz com que muitos países tenham periódicos, revistas, rádios, redes de tv e sites apenas para clubes, ou relacionados exclusivamente ao futebol.


A FIFA como órgão máximo, trabalha na sua ideia do Diga não ao racismo e no fair play que é o jogo limpo no esporte.

Referências

  1. «Div. Social e Cultura no futebol». Consultado em 21 de outubro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]