Diminutivo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrow 2.svg
Este artigo ou secção deverá ser fundido com Substantivo. (desde dezembro de 2013)
(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.).
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Na gramática de uma língua, o diminutivo é o grau do substantivo que representa uma forma menor do que a palavra normal. Além de definir o tamanho físico de algum ser ou objeto, o diminutivo pode também servir funções estilísticas e pragmáticas bem definidas, como evidenciar afeto ou ironia, por exemplo.

Outro grau dos substantivos é chamado aumentativo, por oposição ao diminutivo. E há também o grau normal, no qual as palavras têm sua forma "normal" como diz seu nome.

Em português[editar | editar código-fonte]

Há duas classificações para o grau diminutivo na língua portuguesa: analítico e sintético.

O diminutivo analítico compõe-se de duas palavras que dão um significado único de diminuição. Exemplos:

  • gato - gato pequeno - gato minúsculo
  • mesa - mesa pequena - mesa minúscula
  • casa - casa pequena - casa minúscula

Já o diminutivo sintético, como diz o nome, vem de uma "síntese" entre uma palavra e certos sufixos (e em alguns casos prefixos) para ter um significado de diminuição.

Exemplos:

  • gato - gatinho - gatito
  • mesa - mesinha - mesita
  • saia - minissaia - microssaia

Além desses, existem os sufixos irregulares:

  • casa - casebre
  • muro - mureta
  • pedra - pedregulho
  • rio - riacho
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.