Earl Grey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Earl Grey da Twinnings

Earl Grey é uma mistura de chá e aditivos que foi aromatizada com a adição de óleo essencial de bergamota. O óleo aromático da casca é adicionado ao chá preto para dar ao Earl Grey seu sabor único.[1] Tradicionalmente, o Earl Grey era feito a partir de chá preto, mas as empresas de chá começaram a oferecer o Earl Grey em outras variedades, como o verde ou oolong.[2]

A mistura Earl Grey, ou "Earl Grey's Mixture", é considerada como tendo o nome de Charles Grey, 2.º Conde Grey [3] Um "Chá de Grey" é conhecido a partir da década de 1850, mas as primeiras referências publicadas a um chá "Earl Grey" são anúncios da Charlton & Co. de Jermyn Street em Londres na década de 1880.[4]

Segundo uma lenda, um grato mandarim cujo filho foi resgatado por um dos homens de Lord Grey apresentou pela primeira vez a mistura ao Conde em 1803. O conto parece ser apócrifo já que o Lord Grey nunca esteve na China[5] e o uso de óleo de bergamota para aromatizar chá era desconhecido na China. No entanto, esta história é posteriormente contada (e ligeiramente corrigida) no site Twinings, como "tendo sido apresentado por um enviado no seu regresso da China".[6]


Referências

  1. Richardson, Ben (6 de abril de 2006). «Bergamot growers get whiff of success». BBC News 
  2. Jane Pettigrew (7 de março de 2014). Tea Classified: A Tealover's Companion. [S.l.]: Pavilion Books 
  3. Kramer, Ione. All the Tea in China. China Books, 1990. ISBN 0-8351-2194-1. Pages 180-181.
  4. «Foods of England». Consultado em 1 Janeiro de 2013 
  5. Pettigrew, Jane (2004). The Tea Companion: A Connoisseur's Guide (Connoisseur's Guides). Philadelphia, Pa: Running Press Book Publishers. ISBN 0-7624-2150-9 
  6. «Earl Grey». Twiningsusashop.com. Consultado em 7 de dezembro de 2010