Eleição da cidade-sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2022

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Havia um total de seis propostas que foram inicialmente apresentados para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2022. Dessas, quatro propostas foram retiradas, sendo Estocolmo[1] em 18 de janeiro e outras as três (Cracóvia, Oslo e Lviv) finalmente retiradas em 1 de Outubro de 2014, citando os altos custos ou a falta de apoio local para sediar os jogos, deixando Almaty, Cazaquistão e Beijing, China como as duas únicas cidades candidatas.[2] Beijing foi eleita a cidade sede das 128ª Sessão do Comitê Olímpico Internacional em Kuala Lumpur, Malaysia em 31 de Julho de 2015[3].

Referências