Encefalite equina do leste

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A encefalite equina do leste é considerada a mais rara das encefalites por arbovírus nos Estados Unidos, com letalidade ao redor de 30% (TSAI 1991 citado por MITCHELL e col. 1992, p. 527[1]). Os vírus, após serem ingeridos pelo mosquito, replicam na gordura abdominal, disseminam-se por todo o corpo e, em seguida, localizam-se nas glândulas salivares[2].

Referência bibliográfica[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Mitchell CJ, Niebylsky ML, Smith GC, Karabatsos N, Martin D, Mutebi JP et al. Isolation of eastern equine encephalitis virus from Aedes albopictus in Florida. Science 1992; 257: 526-7.
  2. Scott TW, Lorenz LH, Weaver SC. Susceptibility of Aedes albopictus to infection with eastern equine encephalomyelitis virus. J Am Mosq Control Assoc 1990; 6(2:): 274-8.