Engenheiros Sem Fronteiras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Engenheiros Sem Fronteiras (ESF) é uma expressão utilizada por um número de organizações não-governamentais em vários países para descrever suas atividades baseadas em engenharia e orientadas para o desenvolvimento humano. Todos esses grupos trabalham para prover as necessidades de comunidades desfavorecidas e pessoas de todo o mundo através de projetos de engenharia [1] [2] Muitos grupos nacionais ESF são desenvolvidos de forma independente um do outro, e assim não são todos formalmente afiliados um com o outro, e o nível de colaboração e desenvolvimento organizacional varia. A maioria das organizações ESF / ISF (Francês, Ingénieurs Sans Frontières) estão fortemente ligadas à academia e aos estudantes, com muitas delas sendo lideradas por estudantes.

História das organizações de ESF/ISF[editar | editar código-fonte]

As primeiras organizações a carregar o nome Ingénieurs Sans Frontières foram ISF-França, fundada na década de 80, e ISF-Espanha e ISF-Itália, fundadas na década de 90. EWB-Canadá, uma das maiores organizações de Engenheiros Sem Fronteiras, foi fundada no final da década de 90. EWB-UK foi fundada com o apoio da EWB-Canadá em 2001. [carece de fontes?]

Nos EUA uma organização chamada EWB-EUA foi fundada no Colorado em 2001. No mesmo ano, uma organização chamada Engenheiros Sem Fronteiras EUA foi fundada na Universidade de Cornell. Esta organização foi rebatizada mais tarde Engenheiros para um Mundo Sustentável depois de uma disputa sobre o nome com a EWB-EUA [carece de fontes?]

Um grande número de outros grupos de ESF já foram estabelecidos ao redor do mundo, com diversas estruturas, objetivos e atividades.

Cooperação internacional[editar | editar código-fonte]

Várias das organizações ESF são afiliados com a organização Engineers Without Borders - International (EWB-I). EWB-I é uma associação de grupos nacionais ESF com a missão de facilitar a colaboração, o intercâmbio de informações e assistência entre seus membros. EWB-I foi fundada em 2004 pelo Prof. Bernard Amadei, o fundador da EWB-EUA. [carece de fontes?]

Vários outros grupos ESF mais velhos não são membros da EWB-I, por uma variedade de razões. EWB Canadá, por exemplo, afirma que: "Uma organização é mais do que apenas um nome e objetivos mais ou menos semelhantes. A fim de trabalharem em conjunto, as organizações devem compartilhar estratégia e cultura, nenhuma das quais atualmente presente na rede internacional." [3] No entanto, esta visão não é compartilhada por todos os grupos de ESF. [carece de fontes?]

Muitas das organizações que não são membros da EWB-I, como EWB-Canadá, ISF-Espanha, EWB-Reino Unido, e outros, colaboram entre si e com outros grupos similares. [carece de fontes?]

Organizações de ESF[editar | editar código-fonte]

Os membros da EWB-International [4]

  • Engenheiros Sem Fronteiras - Líbano
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Los Angeles [5]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Israel [6]
  • Engenheiros Sem Fronteiras (IUG Dinamarca 2001)
  • Ingénieurs Sans Frontières (Bélgica)
  • Engenheiros Sem Fronteiras Alemanha (Ingenieure Ohne Grenzen eV) (Alemanha)
  • Engenheiros Sem Fronteiras (India)
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Gabão)
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Palestina)
  • Ingeniería Sin Fronteras (Argentina) [7]
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Portugal) (EpDAH e TESE)
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Líbano [8]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Paquistão [9]
  • Engenheiros Sem Fronteiras (USA)
  • Ingénieurs Sans Frontières - Cameroun [10]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Egipto [11]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Grécia [12]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Kosovo
  • Inzeneri bez Granici - Macedónia [13]
  • Ingenieros Sin Fronteras - México
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Nepal [14]
  • Sans Frontières INGENIEURS Québec [15]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Ruanda [16]
  • Ingenjörer och Naturvetare utan Gränser-Sverige (EWB-Suécia) [17]
  • Engenheiros grænser uden - Danmark (EWB-Dinamarca) [18]
  • Engenheiros uten Grenser - Norge (EWB-Noruega) [19]
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Iraque [20]
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Canadá)
  • Engenheiros Sem Fronteiras (UK)

Não membros da EWB-International:

  • Ingeniería Sin Fronteras (España)
  • Engenheiros Sem Fronteiras - Luxemburgo
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Austrália)
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Nova Zelândia)
  • Engenheiros Sem Fronteiras (Irlanda)

ESF-Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil o primeiro núcleo foi fundado em 2010 em Viçosa, Minas Gerais, fruto da experiência de um estudante em Nova Iorque. O núcleo é recente porém atuante, se expandindo rapidamente e contando com núcleos por todo o país que são coordenados pela matriz em Viçosa. Segunda a própria organização ela atua com projetos diversos na área de engenharia para levar estrutura, desenvolvimento e conhecimento onde ele é mais necessário. A participação de estudantes e a integração com o meio acadêmico são características marcantes dos núcleos brasileiros. [21] [22] [23] [24]

Núcleos[editar | editar código-fonte]

E ambiente em que se inserem

  • Alegre - UFES
  • Brasília - UnB
  • Fortaleza - FANOR
  • Itabira - Unifei
  • Itajubá - Unifei
  • Ituiutaba - UFU
  • Joinville - Profissional
  • Lavras - UFLA
  • Limeira - UNICAMP
  • Natal - UFRN
  • Ouro Branco - UFSJ
  • Rio de Janeiro - Profissional
  • São João Del Rei - UFSJ
  • São Leopoldo - Unisinos
  • São Mateus - UFES
  • Sete Lagoas - UNIFEEM
  • Uberlândia - UFU
  • Vassouras - USS
  • Viçosa - UFV
  • Vitória - UFES

Referências[editar | editar código-fonte]

Links externos[editar | editar código-fonte]

Saiba mais sobre Engenheiros Sem Fronteiras
nos projetos irmãos da Wikipedia:

Search Commons Imagens e media no Commons
Search Wikinews Notícias no Wikinotícias