Epiderme (zoologia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em zoologia, a epiderme é um epitélio (camada de células) que cobre o corpo dos animais eumetazoários (animal mais complexo que as esponjas).[1] [2]

Os eumetazoários possuem uma cavidade alinhada com um epitélio semelhante, a gastroderme, que forma uma fronteira com a epiderme, na boca.[2]

As esponjas não possuem epitélio, e como tal, nem epiderme nem gastroderme.[2] A epiderme de invertebrados mais complexos tem apenas uma camada e pode ser protegida por uma cutícula não-celular. A epiderme de vertebrados superiores possui mais camadas, sendo que a camada mais exterior é reforçada com queratina e depois morre.[3]

Referências

  1. Ruppert, E.E., Fox, R.S., and Barnes, R.D. (2004). "Introduction to Metazoa". Invertebrate Zoology 7 ed. Brooks / Cole [S.l.] pp. 59–60. ISBN 0-03-025982-7. 
  2. a b c Ruppert, E.E., Fox, R.S., and Barnes, R.D. (2004). "Introduction to Eumetazoa". Invertebrate Zoology 7 ed. Brooks / Cole [S.l.] pp. 99–103. ISBN 0-03-025982-7. 
  3. Spearman, R.I.C (1973). "Function Adaptation in the Invertebrate Integument:". The integument: a textbook of skin biology. Biological structure and function 3 CUP Archive [S.l.] pp. 15–17. ISBN 0-521-20048-2. Consult. 21 Mar 2010.