Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "Papa Bento III"

4 bytes removidos ,  16h39min de 4 de maio de 2009
sem resumo de edição
m (Bot: Adicionando: hr:Benedikt III.)
'''Bento III''' foi [[Papa]] entre [[855]] e [[17 de Abril]] de [[858]]. Todavia, a lenda coloca a [[Papisa Joana]] entre os pontificados do [[Papa Leão IV]] e [[Bento III]], deixando a este um pontificado mais curto.
 
Estava em oração em sua igreja, quando o povo de [[Roma]] o foi buscar em procissão e trouxe-o, relutante, para ser Papa. Apareceu depois o [[Antipapa Anastácio III]], já afastado por [[Leão IV]], mas que voltava agora, apoiado pelo belicoso [[conde de Vubbio]]. Bento foi preso, despojado de suas insígnias e maltratado, mas o povo repudiou violentamente o intruso, que, vencido e preso, teve válido defensor no manso e humilde Bento. A população toda, espontaneamente, fez jejum de três dias em desagravo a Deus. Penitência também fazia o imperador [[Lotário]], filho de Ludovico, o Pio, e neto de [[Carlos Magno]]: roído pelo remorso de haver guerreado e humilhado o próprio pai, recolheu-se como simples monge beneditino no mosteiro de Prüm, onde viria a falecer em [[28 de Setembro]] de [[855]].
 
Muitos cronistas de seu tempo descrevem-no como homem de grande inteligência, moderação e energia, dotado de vitalidade exuberante e incrível doçura até para com seus inimigos.
72

edições