Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "Marciano de Heracleia"

615 bytes removidos ,  16h49min de 2 de janeiro de 2011
sem resumo de edição
|editorial=
|situação=Paris
}}
|isbn=
|capítulo=
|páginas=
|cita=}}
</ref>
<ref>{{Ref-livro
|editorial=
|situação=Paris
}}
|isbn=
|capítulo=
|páginas=
|cita=}}
</ref>
 
* ''[[Périplo]] do mar Exterior'' (''Periplus maris externi''), ed. Müller (1855), 515-562.
* ''Périplo de [[Menipo de Pérgamo|Menipo]] do mar Interior'' (''Menippi periplus maris interni'') (epitome Marciani), ed. Müller (1855), 563-572.
* ''Geografía de Artemidoro'' (''Artemidori geographia'') (epitome Marciani), ed. Müller (1855), 574-576.
 
{{Quote1| Por volta de 527 d.C. (segundo Müller em ''Geographi graeci minores; Tomo 2º, p. XII''), Marciano de Heracleia incluiu dados precisos de vias romanas, rios, montes, costas, cidades, etc.; mereceu da posteridade o conceito de ''superior'' entre todos os da sua época, pela diligência, bom juízo e esmero que despregou ao usar os estudos dos seus predecessores. Os seus escritos conhecidos são: 1) Um [[epítome]] de 11 livros à imitação de Artemidoro; 2) Outro epítome em três livros entressacado de um anterior périplo; 3) Um périplo de mar desenvolvido em dois livros; 4) Um tratado de distâncias de Roma às principais cidades então conhecidas.<ref> {{Citar web
|acessodata=
|autor=Altadill, Julio
|último=
|primeiro=
|autorlink=
|co-autores=
|data=1923
|ano=
|mês=
|formato=
|obra=
|editorial=
|páginas=
|língua=
|doi=
|arquivourl=
|arquivodata=
|cita=
}}
</ref>}}
 
{{Quote1| Marciano de Heracleia (I, 2-3) oferece-nos uma longa lista: ''“escrevo após ter lido múltiplos périplos e de empregar muito tempo no seu estudo (…) [[Timóstenes de Rodes]], que chegou a ser comandante-em-chefe da frota de [[Ptolemeu II]] após [[Eratóstenes]], ao que chamaram Beta os diretores do Museu, além de [[Píteas]], [[Isidoro de Cárax]], o piloto Sosandro e Simeias …”''
Os escritos de muitos destes autores, que sem dúvida mereciam pouco crédito na informação de pormenor contribuída, e que, para além disso, tinham escasso valor literário, perderam-se irremissivelmente. Porém, está claro que estas narrações de viagens foram muito numerosas, sobretudo como plasmação de relatos orais. <ref>{{Citar web
|url=http://books.google.com.ar/books?id=5D8i5CldDJwC&pg=PA18&lpg=PA18&dq=Marciano+de+Heracleia+%28I,+2-3%29+nos+oferece+una+larga+lista:+%E2%80%9Cescribo+despu%C3%A9s+de+haver&source=bl&ots=Xh3_URmGGY&sig=oKXtHqvIDBahrqUltKfu72Pu47s&hl=es&ei=OIF8S4iSBYSfuAfLqejPBQ&sa=X&oi=book_result&ct=result&resnum=1&ved=0CAcQ6AEwAA#v=onepage&q=Marciano%20de%20Heracleia%20%28I%2C%202-3%29%20nos%20ofrece%20una%20larga%20lista%3A%20%E2%80%9Cescribo%20despu%C3%A9s%20de%20haber&f=false
|título=Viajes y viajeros en el Mundo Antiguo
|acessodata=
|autor=Gonzalbes Cravioto, Enrique
|último=
|primeiro=
|autorlink=
|co-autores=
|data=2003
|ano=
|mês=
|formato=
|obra=
|editorial=Univ. De Castilla – La Mancha
|páginas=
|língua=
|doi=
|arquivourl=
|arquivodata=
|cita=
}}
</ref>}}
|acessodata=
|autor=Shipley, Graham
|último=
|primeiro=
|autorlink=
|co-autores=
|data=
|ano=
|mês=
|formato=
|obra=
|editorial=American Philological Association
|páginas=
|língua=inglês
|doi=
|arquivourl=
|arquivodata=
|cita=O autor reclama uma iniciativa internacional para traduzir para o inglês, com comentários concisos, a obra de Carl Müller ''"Geographi Graeci Minores"'' (Paris: Firmin-Didot, 1855-1861)
}}
|acessodata=
|autor=Vários autores
|último=
|primeiro=
|autorlink=
|co-autores=
|data=
|ano=
|mês=
|formato=
|obra=
|editorial=American Philological Association
|páginas=
|língua=inglês
|doi=
|arquivourl=
|arquivodata=
|cita=Observações de vários autores sobre as fontes de périplos e obras geográficas.
}}
18 242

edições