Grandes vertentes norte dos Alpes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Face norte do Cervin)
Ir para: navegação, pesquisa

As grandes vertentes norte dos Alpes são as vertentes norte das Grandes Jorasses no Maciço do Monte Branco, do Matterhorn nos Alpes valaisanos, e do Eiger nos Alpes berneses, pelo que são conhecidas pelas três grandes faces norte dos Alpes - ou os três últimos problemas dos Alpes como eram conhecidas na década de 1930 - e foram subidos pela primeira vez nessa década, depois de algumas tentativas algumas dramáticas, ficaram como a marca do montanhismo difícil.

Outra listagem inclui seis montanhas, a saber:


Datas[editar | editar código-fonte]

Nessa altura o alpinismo era apanágio dos alemães e austríacos, e assim as faces norte são conquistadas em:

Conceito[editar | editar código-fonte]

Foi Fritz Kasparek, em 1938, que avançou a ideia dos "três grandes problemas alpinos" (em alemão: drei großen Wandprobleme) numa obra co-escrita com os companheiros da cordée da primeira ascensão do Eiger, e cujo título em francês é Les Trois Derniers Problèmes des Alpes [1].

Passe de trois[editar | editar código-fonte]

O primeiro a fazer o passe de trois como começou a ser chamado o facto de vencer estes três míticos cumes de seguida, foi Gaston Rébuffat:

Faces Norte[editar | editar código-fonte]

Curiosamente muitas destas conquista aparecem como uma primeira termo empregue para designar uma primeira ascensão de uma vertente (parede ou face).

Face norte do Matterhorn/Cervino[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Matterhorn

Face norte das Grandes Jorasses[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Grandes Jorasses

Face norte do Eiger[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Face norte do Eiger
  • 1858 - a primeira ascensão a 11 de agosto pelos guias suíços Christian Almer e Peter Bohren com o irlandês Charles Barrington
  • 1921 - a primeira ascensão da aresta Mittellegi por Yuko Maki com Fritz Amatter, Fritz Steuri e Samuel Brawand
  • 1932 - Face nordeste por Hans Lauper com Alfred Zürcher, Alexander Graven e Joseph Knubel
  • 1938 - a primeira ascensão da face norte a 24 de Julho pela cordée alemã de Anderl Heckmair e Ludwig Vörg e pela cordada austríaca de Heinrich Harrer e Fritz Kasparek
  • 1947 - segunda ascensão da face norte pelos franceses Lionel Terray e Louis Lachenal

Referências

  1. . Página visitada em Jan. 2013.