Filme trash

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Esse artigo é sobre um estilo de filme. Para outros significados para Trash veja a página de desambiguação.

Cinema trash ou filme trash[1] (em inglês: Z movie) definem os filmes de baixo orçamento que são feitos com os custos e com uma qualidade inferior aos filmes B. Os filmes trash devem ser distinguidos dos gêneros exploitation, kitsch e camp.[1][2][3] O escritor Tommaso Labranca indica cinco partes que criam o gênero trash: a "liberdade de expressão", o "maximalismo" (ou seja, seguem um padrão, mas sem incomodar a imitá-lo literalmente), a "contaminação", a "incongruência" e a "emulação falha".[1][2]

A definição de filme trash, em geral, trata-se de um filme tecnicamente malfeito (propositadamente ou não) tendo geralmente uma ou mais das seguintes características: baixo orçamento, má interpretação dos atores, má pós-produção (edição, dublagem, efeitos especiais), erros técnicos mais ou menos evidentes (por exemplo, o microfone do operador visível na imagem). A estética cinematográfica trash pode ser usada em qualquer gênero de filme ou vídeo, mas é mais usada no terror. Costuma-se considerar trash todo filme de terror que, ao invés de causar medo ou tensão, é engraçado.

Diretores famosos de filmes trash[editar | editar código-fonte]

Produtoras[editar | editar código-fonte]

Troma Entertainment, The Asylum Entertainment, Full Moon Entertainment

Filmes famosos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c (em italiano) Marcello Garofalo, Cinema trash, in Treccani.it – Enciclopedie on line, Istituto dell'Enciclopedia Italiana
  2. a b Tommaso Labranca (2005). Andy Warhol era un coatto. Vivere e capire il trash IV ed. (Roma: Castelvecchi). ISBN 8876150722. Arquivado desde o original em 19 aprile 2016. 
  3. John Waters, Shock value (1981), p. 25

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre cinema é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.