Saltar para o conteúdo

Frigobar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
interior de um frigobar.
Interior de um frigobar comum.

Um frigobar é uma geladeira pequena. Seu funcionamento é igual ao de um refrigerador tradicional e, por ter capacidade menor, o consumo de energia elétrica também é reduzido.[1]

Assim como as geladeiras tradicionais, os frigobares possuem várias capacidades e chegam até a 120 litros, cerca de metade do que uma geladeira tradicional de pequeno porte é capaz de comportar. Já as alturas variam entre 60 e 90 cm, com aproximadamente 50 cm de largura.[2]

Os frigobares são comumente encontrados nos quartos de hotéis com bebidas e tira-gostos à disposição dos hóspedes.[3]

História[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento e Inovação do Século XIX[editar | editar código-fonte]

A refrigeração começou a se desenvolver significativamente no século XVIII. Em 1748, William Cullen, na Universidade de Glasgow, demonstrou pela primeira vez a refrigeração artificial, utilizando o processo de evaporação para criar resfriamento. Embora inovador, este método não tinha aplicação prática imediata.[4]

Em 1834, Jacob Perkins construiu a primeira máquina de refrigeração prática, utilizando um ciclo de compressão de vapor. A evolução continuou com John Gorrie, que em 1844, usou a refrigeração para resfriar o ar para pacientes de febre amarela. Em 1876, Carl von Linde patenteou um processo de liquefação de gás, essencial para o desenvolvimento de refrigeradores modernos.[4][5]

Frigobar
Imagem de um Frigobar com a porta aberta.

A Chegada dos Refrigeradores Domésticos[editar | editar código-fonte]

Os primeiros refrigeradores domésticos surgiram no início do século XX. Em 1913, Fred W. Wolf inventou o primeiro refrigerador elétrico doméstico, seguido pela produção em massa de modelos com compressor auto-contido por William C. em 1918. Esses refrigeradores eram caros e considerados itens de luxo.[5]

Na década de 1920, refrigeradores começaram a se popularizar em lares americanos. No entanto, o uso de gases tóxicos como amônia, cloreto de metila e dióxido de enxofre causou acidentes fatais, levando ao desenvolvimento de refrigerantes mais seguros, como o Freon, na década de 1930.[4][6]

Frigobar Moderno[editar | editar código-fonte]

Os frigobares modernos surgiram como uma solução compacta para necessidades específicas de refrigeração. Com design eficiente e uso de refrigerantes mais seguros, eles se tornaram comuns em hotéis e outros ambientes onde o espaço é limitado e a conveniência é necessária. Estes aparelhos geralmente têm um compartimento de congelamento pequeno e são projetados para serem silenciosos e eficientes.[7]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Tudo o que você precisa saber sobre frigobar». Consul. Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  2. «Namorando um frigobar? Saiba como escolher o tamanho ideal». Homepedia. 8 de janeiro de 2019. Consultado em 14 de dezembro de 2020 
  3. «Significado de Frigobar». Dicio. Consultado em 13 de dezembro de 2020 
  4. a b c «The History of the Refrigerator». ThoughtCo (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2024 
  5. a b «The History of the Refrigerator» 
  6. Helton, Julia (2 de março de 2020). «A Brief History Of Refrigeration, Or How Mankind Will Do Anything For A Cold Beer». The Takeout (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2024 
  7. «A Brief History of the Refrigerator». Martha Stewart (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2024 
Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.