Gentão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para o federado bizantino, veja Gentão (federado).
Gentão
Nacionalidade Reino Vândalo
Etnia Vândala
Ocupação nobre

Gentão (em latim: Genton) foi um nobre vândalo do século V. Era filho do rei Genserico (r. 428–477) e irmão de Hunerico (r. 477–484); Procópio de Cesareia afirmou que seria o mais velho, porém se contradiz ao dizer que Hunerico era o mais velho.[1] Em 468, participou da batalha naval contra a frota bizantina de Basilisco.[2]

Com sua esposa de nome desconhecido teve vários filhos: Guntamundo (r. 484–496), Trasamundo (r. 496–523), Godago (Godagis) e Geilaro (Geilaris); Idácio de Chaves erroneamente afirmou que era casado com Eudócia. Apesar de incerta a data, sabe-se que faleceu em algum momento antes de seu pai.[3]

Referências

  1. Martindale 1980, p. 502.
  2. Martindale 1980, p. 503.
  3. Martindale 1980, p. 502-503.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1980). The prosopography of the later Roman Empire - Volume 2. A. D. 395 - 527. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press