Harmonies Poétiques et Religieuses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A maioria das peças para piano conhecidas pelo título genérico de Harmonies poétiques et religieuses (Harmonias Poéticas Religiosas) foram compostas em Woronińce (Voronivtsi, o estado ucraniano da amante de Liszt,a princesa Carolyne von Sayn-Wittgenstein, alcunha Iwanowska) em 1847. As dez composições que compõem este ciclo são:

  1. Invocação (completada em Woronińce);
  2. Ave Maria (transcrição da peça para coral escrita em 1846);
  3. Bénédiction de Dieu dans la solitude (‘A bênção de Deus em Solitude’, completada em Woronińce);
  4. Pensée des morts (‘Em Memória dos Mortos’, versão revista da composição anterior individual, Harmonies poétiques et religieuses (1834));
  5. Pater Noster (transcrição da peça para coral escrita em 1846);
  6. Hymne de l’enfant à son réveil (transcrição da peça para coral escrita em 1846);
  7. Funérailles (outubro de 1849) (‘Funeral’);
  8. Miserere, d’après Palestrina (em homenagem a Palestrina);
  9. (Andante lagrimoso);
  10. Cantique d’amour (‘Cantiga de Amor’, completada em Woronińce).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Walker, Alan (1993). Franz Liszt: The Weimar Years, 1848-1861. Ithaca, New York: Cornell University Press. pp. pp. 49–50, 71–73. ISBN 0-8014-9721-3