Imperialismo linguístico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Imperialismo linguístico é uma expressão utilizada para descrever o objetivo sistemático de dominação linguística através de medidas económicas, culturais e políticas por parte de uma sociedade dominante em relação a culturas menos influentes, podendo ocorrer tanto regional como internacionalmente. No contexto atual, o imperialismo linguístico é exercido pela anglofonia, especialmente pelos Estados Unidos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]