João (cônsul honorário em 514)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja João.
João
Morte século VII
Nacionalidade Império Bizantino
Religião Cristianismo

João (em latim: Ioannes) foi um oficial bizantino do século VI, ativo durante o reinado do imperador Anastácio I (r. 491–518).

Vida[editar | editar código-fonte]

Semisse de Anastácio I (r. 491–518)

João era filho de Valeriana e parente do imperador Anastácio. É possível que possa ser identificado com o indivíduo homônimo ativo na Ilíria. Em 514, era um cônsul honorário e mestre dos soldados na presença. Neste ano, quando o rebelde Vitaliano se aproximou de Constantinopla pela segunda vez, Anastácio enviou-o como emissário. Relatou os pedidos de Vitaliano e usou sua influência para persuadir o imperador a concedê-los. Em 515, quando Vitaliano aproximou-se de Constantinopla pela terceira vez, João e Patrício se recusaram a obedecer quando Anastácio ordenou que atacassem o rebelde; alegaram que, como eram velhos amigos do Vitaliano, seriam objeto de suspeita caso vencesse.[1]

Referências

  1. Martindale 1980, p. 608.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1980). «Ioannes 60». The prosopography of the later Roman Empire - Volume 2. A. D. 395 - 527. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press