João Urban

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
João Urban
Nome completo João Aristeu Urban
Nascimento 1943 (78 anos)
Curitiba, Paraná, Brasil
Residência Curitiba
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Cônjuge Jussara Salazar
Filho(a)(s) Vlad Urban
Dora Urban
Ocupação Fotografia documentária e autoral

João Urban (Curitiba, 1943) é um fotógrafo brasileiro.

Pratica a profissão desde jovem. Mais tarde, entre a militância política nos anos 60 em Curitiba, o ingresso na fotografia publicitária como profissão e a formação de uma cultura fotográfica, foi se tornando um fotógrafo com técnica aprimorada e olhar sensível para questões sociais.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Seu primeiro livro Boias-frias: Tagelöhner im Süden Brasiliens foi publicado em 1984, em alemão e posteriormente em português como Bóias-frias: vista parcial (1988), ambos com textos de Teresa Urban Furtado. Na sequência publicou Tropeiros em 1992, Aparecidas com Suzana Barreto em 2002, Tu i Tam com Teresa Urban em 2004 e Mar e Mata em 2009, entre outros. Suas fotografias fazem parte de acervos como os do Museu Francês da Fotografia em Lièg, do Kunsthaus em Zurich, do MASP (Coleção Pirelli), do MAM (Coleção J. P. Morgan), do Museu da Fotografia da Cidade de Curitiba, do Instituto Brasileiro de Arte e Cultura e do Memória da Imigração Polonesa Romão Wachowicz, em Araucária, Paraná. Participou da XIV Bienal Internacional de São Paulo, em 1977, da XV Bienal de São Paulo, em 1979, da 5ª Bienal de la Habana, Cuba, em 1994 e da China Pingyao Internacional Photography Festival, China, em 2013. Entre 2006 e 2007 sua obra foi apresentada na exposição Demarcação Temporal – João Urban 40 anos de fotografia no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba. Em 2013 a exposição Aproximações, descendentes de imigrantes ucranianos e poloneses nas fronteiras agrícolas do Paraná circulou por por várias cidades do Paraná, com inauguração simultânea em Lviv - Ucrânia, Poznan - Polônia e São José dos Pinhais, Paraná. Em 2019, Aproximações ganhou uma nova edição no Museu Paranaense em Curitiba. Recebeu a Bolsa Vitae de Artes[1].

Premiações e Bolsas[editar | editar código-fonte]

  • 1978: Prêmio Banco do Brasil, 35º Salão Paranaense de Artes Plásticas, Sala de Exposições do Teatro Guaíra, , Curitiba PR, 1978 [2]
  • 1978: Prêmio Bienal de São Paulo, XIV Bienal de São Paulo [Evento 14 Bienal de São Paulo http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/evento/1563 ], 1978, pelo trabalho Equipe Bóias-Frias com Margaret Lisette Born, Renato Ladislau Mazânek, Jamil Snege e João Urban.[3]
  • 1999: 1999 – Prêmio Ensaio Banco J. P. Morgan – São Paulo, [4]
  • 2000: Bolsa Vitae de Artes, 2000
  • 2012: XII Prêmio Funarte Marc Ferrez, da Fundação Nacional de Artes (Funarte)
  • 2017: VIII Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia, Belém,

Fotografias em Acervos[editar | editar código-fonte]

  • Museu da Fotografia da Cidade de Curitiba p75
  • Museu de Arte Moderna de São Paulo [5]
  • Museu de Arte de São Paulo (Coleção Pirelli), (Roberto e família 1999) p.??- 77 (Poder Provisório MAM) [1] [6]
  • Fundação Suíça para a Fotografia, Zurich [7]
  • Museu da Casa Brasileira , São Paulo, São Paulo. [8]
  • Museu de Arte Contemporânea, Curitiba, Paraná [9]
  • Musée Français de la Photographie, Bievres
  • Coleção particular de Joaquim Paiva [10]
  • Coleção particular de Lily Sverner;
  • Museu Oscar Niemeyer, Curitiba [11]

Exposições Individuais[editar | editar código-fonte]

  • 1977: Bóias-Frias, vista parcial, Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Paraná, Curitiba, Paraná
  • 1979 – 1996: Bóias-Frias - Vista Parcial
    • 1979 – 15ª Bienal Internacional de São Paulo, São Paulo, São Paulo
    • 1990 – Galeria do Instituto Goethe, Curitiba, Paraná
    • 1990 – Palácio da Abolição, Fortaleza, Ceará
    • 1991 – Teatro São Pedro, Porto Alegre, Rio Grande do Sul
    • 1996 – Biblioteca Pública do Paraná – Bienal Internacional da Fotografia, Cidade de Curitiba da Fotografia, Curitiba, Paraná
    • 2002 – João Urban – Destaques – Museu da Fotografia da Cidade de Curitiba, Curitiba, Paraná
  • 1983: Pinho e Polacos, SESC Campinas, São Paulo
  • 1987: Madeira – Árvores, Ferramentas e Objetos, Sesc Pompéia SP, 1987 (Organizada por Rosely Nakagawa Matuck e Rubens Matuck)
  • 1993: Paisagens Urbanas, Sede da Fundação Cultural de Curitiba, Curitiba, Paraná
  • 1993 – 1996Sonhos e Fantasias
    • 1993 – Galeria Solar do Rosário, Curitiba, Paraná
    • 1996 – Galeria de Fotografia da Escola de Belas Artes, da Universidade Federal Fluminense, Niterói, Rio de Janeiro
  • 1997 – 2017Tu i Tam
    • 1997 – Museu da Imagem e do Som, Curitiba
    • 1997 – Galeria do Centro de Convivência, Campinas, São Paulo
  • 2003Aparecidas – João Urban e Suzana Barretto, Espaço Cultural dos Correios, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
    • 2004 – Museu Oscar Niemeyer, Curitiba (Lançamento do Livro Tu i Tam)
  • 2005: Déjà Vu – exteriores, Casa do Barão (Atualmente Centro Cultural Solar do Barão), Curitiba,Paraná [12]
    • 2009 – Rosa dos Ventos – Embaixada Brasileira em Assunción
    • 2009 – Maison de la Photographie, Lille, 2009 [13] [14]
    • 2010 – Uncertain Brazil – China Pingyao International Photography Festival
    • 2016 – Hotel Lloyd, Amsterdam
    • 2017 – Festival Ars Cameralis, Katovice, Polônia
  • 2013 – 2019: Aproximações: Ucranianos e Poloneses nas fronteiras agrícolas do Paraná
    • 2013 – Irati, PR (Unioeste agosto),
    • 2013 – Prudentópolis, PR (Casa da Cultura, Setembro e outubro),
    • 2013 – Mallet PR (Assembleia Municipal e Centro Cultural Miguel Bakun, Dezembro).
    • 2016 – Inauguração simultânea [15]
      • Casa da Cultura Polonesa Pe. Karol Dworaczek, Colônia Murici, São josé dos Pinhais, PR, p 11-13 [16]
      • Ucrânia (Lviv – Leópolis ou Lemberga) [17]
      • Polônia (Poznań – Posnânia) -
    • 2019 – Museu Paranaense. Curitiba. [18] [19] [20]
  • 2019: Província, Cárcere, Lar, Exposição fotográfica na Flibi, Festa literaria da Biblioteca Pública do Paraná, Curitiba
  • 2020: Arte Plural Galeria, Recife, Pernanbuco. [21]

Fotógrafo paranaense registrou cerimônias de candomblé, além de cenas das cidades pernambucanas .

Retrospectivas[editar | editar código-fonte]

  • 2006João Urban: Demarcação Temporal, 40 anos de fotografia, Museu Oscar Niemeyer, Curitiba 2006, Curadoria Jussara Salazar [22] [23]

Participações em Bienais[editar | editar código-fonte]

  • 1977 – 14ª Bienal de São Paulo, com Trabalho Luva – Mão – Ferramenta[2] (1977, p. 32). [24]
  • 1979 – 15ª Bienal Internacional de São Paulo, 1979
  • 1994 – 5ª Bienal de la Habana: Arte, Sociedad, Reflexión, 1994 [25] [26]

Exposições Coletivas[editar | editar código-fonte]

  • 1973 – XXX Salão Paranaense, Curitiba, Paraná [27]
  • 1978 – Primera Muestra de la Fotografia Latinoamericana Contemporánea, Cidade do México [28]
  • 1980 – I Trienal de Fotografia do Museu de Arte Moderna de São Paulo[29] [30]
  • 1980 – Documentando Raízes, Galeria de Fotografia da Funarte, com fotógrafo Zallis [31]
  • 1983 – 1ª Fotosul 83: Presença do Imigrante na Região Sul, Escritório Regional da Funarte, Curitiba
  • 1983 – Le Brésil des brésiliens, Centre Georges Pompidou, Paris, França [32]
  • 1985 – I Quadrienal de Fotografia, Museu de Arte Moderna de São Paulo, São Paulo
  • 1989 – Brasil Cenários e Personagens, Galeria e Fotografia da Funarte Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
  • 1991 – Reflexão dos Anos 80, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba, Paraná [33]
  • 1992 – 5 Fotógrafos & Tiragens Limitadas, Semana de Fotografia Cidade de Curitiba, Casa da Imagem, Curitiba [34]
  • 1992 – Brasilien Entdeckung und Selbstentdeckung Zürich [35]
  • 1994 – Bienal de Havana, Aachen, Alemanha [36]
  • 1997 – La utopía amorosa – Imágines, Centro Cultural Borges, Buenos Aires, Argentina, com curadoria de curadora Marión Helft [37] [38]
  • 2000 – Aparecidas, Beto Batata, Curitiba, Paraná, Acompanhando o Lançamento do Álbum de Cartões Postais Aparecidas [39]
  • 2001 – Uma Coleção: Fotografias do Acervo do Museu de Arte Moderna de São Paulo
    • 2001 – Galeria 68 Elf e Espaço Cultural Exit Art em Colônia, Alemanha, e também no
    • 2001 – Espaço Cultural Kultur Fabrik em Esch Sur Alzette, Luxemburgo
  • 2006 – Casas do Brasil, Museu da casa Brasileira, São Paulo, São Paulo, com Ana Mariani, Andrés Otero e Iêda Marques [40]
  • 2007 – Los Fotografos Autorretratos V, Fotogalería Omega del Centro de Fotografía Contemporánea(CFC), La Plata, Argentina 2007 [41]
  • 2010 – Uncertain Brazil, Pingyao International Photographic Festival, China [42] [43] [44]
  • 2011 Ordem e Progresso: vontade constrututiva na arte brasileira [45]
  • 2012 – Um olhar sobre o Brasil, a fotografia na construção da imagem da nação, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo, São Paulo

Livros[editar | editar código-fonte]

  • 1984 URBAN, João; URBAN FURTADO, Teresa. Bóias-frias: Tagelöhner im Süden Brasiliens. Tradução Ray-Güde Mertin. St. Gllen; Wuppertal, Alemanha: Edition dià, 1984. [46]
  • 1988 URBAN, João; FURTADO, Teresa Urban. Bóias-frias: vista parcial. St. Gallen, Suíça. Wuppertal, Alemanha: Edition Diá; Curitiba, Brasil: Fundac̦ão Cultural de Curitiba, 1988. [47]
  • 1992 TRINDADE, Jaelson Bitran; URBAN, João. Tropeiros. São Paulo, SP: Ed. Publicações e Comunicações, 1992.[48]
  • 2002 URBAN, João; BARRETTO, Suzana. Aparecidas / fotografias João Urban. Campinas, SP: Tempo d’Imagem, 2002.[49]
  • 2004 URBAN, João; URBAN, Teresa. Tu i tam [= aqui e lá]: memória da imigração polonesa no Paraná. Primeiro de Maio, Paraná, Brasil: Mirabilia, 2004.[50]
  • 2005 PERSICHETTI, Simonetta; TRIGO, Thales. João Urban. São Paulo: Senac, 2005. (Coleção Senac de fotografia, 8).[51]
  • 2007 URBAN, Teresa; URBAN, João. Rios por onde passo. Curitiba: Mater Natura -- Instituto de Estudos Ambientais, 2007.[52]
  • 2009 URBAN, João. Mar e Mata: A serra, a floresta e a baía: seus homens e suas mulheres. Curitiba, PR: Edições Água Forte, 2009.[53]
  • 2016 URBAN, João. Passeio Público. Curitiba, PR: Edições Água Forte, 2016.[54]
  • 2019 URBAN, João. Benedito Rosário. Rio de Janeiro, RJ: Confraria do Vento, 2019.[55]


Seções de livros[editar | editar código-fonte]

  • 1986 27 fotografias em MAGNANI, José Guilherme Cantor; CODESUL. A Represa e os colonos. Curitiba: Secretaria de Estado da Cultura e do Esporte, Coordenadoria do Patrimônio Cultural, Conselho de Desenvolvimento do Extremo Sul, 1986. (Cadernos do Patrimônio:. Série Estudos, 2). [56]
  • 1989 20 fotografias em COORDENADORIA DO PATRIMÔNIO CULTURAL; CODESUL. Tropeirismo: um modo de vida. Curitiba, Paraná: Governo do Estado do Paraná, Secretaria de Estado da Cultura, Coordenadoria do Patrimônio Cultural : Conselho de Desenvolvimento do Extremo Sul, 1989. (Cadernos do Patrimônio:. Série Pesquisa, 1). [57]
  • 2000 Ribeiro, Susana & Urban, João. Que festa é essa? Ensaio fotográfico sobre a Festa de São Benedito em Aparecida do Norte. Revista Studium N 2. Inverno 2000. [58]
  • 2004 URBAN, João. Texto Final. In: URBAN, JOÃO; URBAN, TERESA. Tu i tam [= aqui e lá]: memória da imigração polonesa no Paraná. Primeiro de Maio, Paraná, Brasil: Mirabilia, 2004. p. ??-??
  • 2007 URBAN, João. Wischral: Memória e Magia. In: SUTIL, Marcelo Saldanha; BARACHO, Maria Luiza Gonçalves. O Acervo Arthur Wischral: documentos de um olhar. Curitiba: Fundação Cultural de Curitiba, 2007. pp. 6-9. ISSN 0102-3268.[59]

2009 URBAN, João. mar e mata. In: URBAN, JOÃO. Mar e Mata: A serra, a floresta e a baía: seus homens e suas mulheres. sexualidade, gênero e sociedade. Sexualidade em debate. Curitiba, PR: Edições Água Forte, 2009. p. 20–21. [60]

Ensaios[editar | editar código-fonte]

Fotos e citações, publicadas em livros e catálogos[editar | editar código-fonte]

  • 1983 1ª Fotosul 83- presença do imigrante na Região Sul Curitiba [64]
  • 1983 – Brésil des brésiliens Centre Georges Pompidou 1983 [65]
  • 1985 – Encyclopédie Internacionale de Photographes de 1839 à nous jours. [66] [67]
  • 1985 – Resenha Livro Bóias-Frias Revista European Photography, Vilém Flusser [68] [69]
  • 1989 – História Geral da Arte no Brasil (Instituto W.M. Sales e Fundação Djalma Guimarães, São Paulo: 1989) [70]
  • 1992 – Brasilien Entdeckung und Selbstentdeckung Zürich [71]
  • 1993 – Canto a la realidad, Fotografia Latino-Americana (Érika Billeter, Madrid: 1993); Lunwerg Editores [72] [73]
  • 1996 – Contemporary Brazilian Photography (Maria Luiza Melo Carvalho)-Verso, Londres N.Y 1996 [74]
  • 2000 – Imagens da Fotografia Brasileira (Simonetta Persichetti: Estação Liberdade, São Paulo) [75] [76]
  • 2000 – 22 de abril de 1500-1999: Cem fotógrafos retratam o cotidiano do país em 24 hora [77] [78] [79]
  • 2000 – O Relógio de Ver – Luiz Carlos Felizardo – Gabinete de Fotografia Porto Alegre [80]
  • 1993 – Coleção Pirelli/Masp de Fotografia nº 3 [81] [82] [83]
  • 2002 – Visões e Alumbramentos – Fotografia Contemporânea Brasileira na Coleção de Joaquim Paiva (Joaquim Paiva -Brasil Connects São Paulo 2002 [84]
  • 2003 – Fotografia Brasileira Contemporânea – Revista Extra Câmara, Ângela Magalhães e Nadja Peregrino, Caracas. 2003??
  • 2004 – Fotografia no Brasil um olhar das origens ao contemporâneo (Ângela Magalhães e Nadja Peregrino, Rio de Janeiro, Funarte, 2004). [85]
  • 2006 – Casas do Brasil 2006 – Museu da Casa Brasileira, São Paulo 2006 [86]
  • 2012 – Um olhar sobre o Brasil, a fotografia na construção da imagem da nação – Instituto Tomie Ohtake SP 2012

Entrevistas , Reportagens[editar | editar código-fonte]

  • Entrevista. em PERSICHETTI, Simonetta. Imagens da fotografia brasileira 1. Sa̋o Paulo, SP: Estaça̋o Liberdade : Editora SENAC, 2000. [87]
  • 2004 Pinto, Danielle. Revista Fotos & Imagens: Itajaí, SC. #43 outubro/novembro de 2004 [88]
  • 2005 com Luiz Carlos Felizardo, Revista Gráfica, No Ano 23 nº 56 nov./dez. 2005
  • 2007 com Leopoldo Plentz, Revista Gráfica, No nº 59 2007
  • 2014. Joao Urban - Entrevista. In: pequenoencontrodafotografia. [89]
  • 2015 Aleksandra Pluta João Urban #fotografia. [90]
  • 2017 DE OLIVEIRA FILHA, Elza Aparecida. As imagens e palavras de João Urban. Cadernos da Escola de Comunicação, Unibrasil. v. 1, n. 3, p. 12–32, 6 fev. 2017. (fotografia de Humberto Michaltchuk) [91]
  • 2019 MERKLE, Luiz Ernesto ; SANTOS, Marinês Ribeiro ; URBAN, João . João Urban: a fotografia como prática de resistência. TOM Caderno de Ensaios UFPR, v. 5, p. 138-189, 2019. [92]
  • 2020 Bittencourt, Sandra . João Urban fala sobre a exposição A Paisagem e o Sagrado.[93]

Editoria[editar | editar código-fonte]

  • Grafia o Jornal da Foto

Organização de Eventos[editar | editar código-fonte]

  • Participou e colaborou na organização das cinco primeiras Mostras de Fotojornalismo da Arfoc do Paraná [3]
  • Semana de Fotografia da Cidade de Curitiba [94]

Fotografias e Informações[editar | editar código-fonte]

  • João Urban Fotografias [95]
  • João Urban. In: Sibila. Revista de poesia e crítica literária. [96]
  • Hamilton Zambiancki (2011) Perfil: Os olhos de vidro de João Urban. Marco Zero. Jornal-Laboratório do Curso de Jornalismo da Facintar. Ano III Número 16. p 3. Curitiba, novembro de 2011.[97]
  • Rebinski Junior, Luiz (2011) Escrevendo com Imagens. Cândido: Jornal da Biblioteca Pública do Paraná n. 2. Setembro 2011. p. 28-29. [98]
  • João Urban, Fotógrafo. In: Modos de Olhar: [99]
  • João Urban In:os dias todos iguais, esses assassinos ... [100]
  • João Urban. Enciclopédia Itaú Cultural [101]
  • João Urban e a memória melancólica. In: Olho de vidro [102]
  • Martins, Iane (2019) João Urban: O contador de histórias. Revista Idéias. 17 de abril de 2019.[103]
  • João Urban. In: Gaviela as a bird. Iconoteca Fotógrafos Brasileiros https://gaviela.wordpress.com/tag/joao-urban/ [104]
  • João Urban - 40 anos de carreira . In: Solda: Cartunista cáustico. [105]
  • Bastos, Márcio. ( 2020) João Urban apresenta fotografias sobre o sagrado na Arte Plural: Fotógrafo paranaense registrou cerimônias de candomblé, além de cenas das cidades pernambucanas. [106] [107]

Textos acadêmicos[editar | editar código-fonte]

  • Abade, De Vivian Leila Bosquila. Olhar Fotográfico de João Urban: Imigrantes e Descendentes de Imigrantes Poloneses, na Década de 1980 no Paraná. Faculdade de Artes do Paraná - Curitiba. [108]
  • BARBALHO, Marcelo. A FOTOGRAFIA COMO INSTRUMENTO DE LUTA: ativismo no cenário urbano de Fortaleza. In: COMPOLÍTICA8: Política e Comunicação Pós-Eleições no Brasil, GT5 - Comunicação e sociedade civil · Ana Carolina Vimieiro (UFMG) e Leandro Lage (UNAMA) a 17 de mio de 2019, Brasília -- FAC - UNB. Anais... Brasília -- FAC - UNB: [s.n.], a 17 de mio de 2019. http://ctpol.unb.br/compolitica2019/GT5/gt5_Barbalho.pdf
  • Camera, Patrícia (2011) BREVE PANORAMA SOBRE A DIFUSÃO DA FOTOGRAFIA NA CIDADE DE CURITIBA (1938 – 2004). Anais do VII Fórum de Pesquisa Científica em Arte. Curitiba, Embap, 2011 . p 63-75. http://www.embap.pr.gov.br/arquivos/File/Forum/anaisvii/063.pdf
  • Lima, Osvaldo Luciano dos Santos Lima. TU I TAM, Um fotógrafo em dois tempos. Mestrado em Comunicação e Linguagem da Universidade Tuiuti do Paraná. Dissertação.
  • LUZ, Patricia Camera Varella da. (2006) A trajetória da fotografia no Salão Paranaense: uma visão a partir da construção social da tecnologia fotográfica. Dissertação (Mestrado em Tecnologia). Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Curitiba, 2006.
  • Patrícia Camera. 2011. BREVE PANORAMA DA FOTOGRAFIA NO SALÃO PARANAENSE.. III Encontro Nacional de Estudos da Imagem 03 a 06 de maio de 2011 - Londrina – PR. http://www.uel.br/eventos/eneimagem/anais2011/trabalhos/pdf/Patricia%20Camera.pdf
  • Bárbara Pombo 2008 A democratização da Memória. 19 de agosto de 2008 . Ano IX n419. Lona: Jornal Laboratório do Curso de Jornalismo da Universidade Positivo. Pp 4-5 Disponível em https://issuu.com/lonaup/docs/19.08.08_-_419 [109]


Sítios Eletrônicos Descontinuados[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Portal RPCom (30 de outubro de 2011). «Não basta clicar, é preciso vender» 
  2. «Cronologia – PROGRAMAÇÃO 1970/2018", Museu de Arte Contemporâneo do Paraná, 2019». mac Paraná. Consultado em 22 de abril de 2020 
  3. «XIV Bienal Internacional de São Paulo». Fundação Bienal de São Paulo. Consultado em 22 de abril de 2020 
  4. «Prêmio Ensaio Banco J. P. Morgan de Fotografia». Itaú Cultural. Consultado em 22 de abril de 2020 
  5. Alegoria: Arte Brasileira - século XX / Museu de Arte Moderna de São Paulo, http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/86345
  6. Arquivo Bienal Banco de Dados. Documento Museu de Arte de São Paulo - Coleção Pirelli vol.3 . http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/74373
  7. https://www.fotomuseum.ch/en/
  8. Programação Casas do Brasil – 2006 | Museu da Casa Brasileira. mcb museu da casa brasileira. [S.l: s.n.]. Disponível em: <https://mcb.org.br/pt/programacao/exposicoes/casas-do-brasil-2006/>.
  9. João Urban, Curitiba, PR, 1943. Luvas, mãos, ferramentas, 1974. In: Galerias de Fotos > > A Fotografia no Acervo do MAC/PR. http://www.mac.pr.gov.br/modules/galeria/detalhe.php?foto=191&evento=10
  10. Documento Visões e Alumbramentos: fotografia contemporânea brasileira na Coleção Joaquim Paiva, http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/86270
  11. Programa sou Patrono. Museu Oscar Niemeyer. https://issuu.com/monmuseu/docs/af_relatorio_atividades_2017
  12. Redação Estado do Paraná (13/11/05) Déjà vu exteriores, exposição de Urban https://www.tribunapr.com.br/mais-pop/deja-vu-exteriores-exposicao-de-urban/
  13. Joao Urban " Tu i Tam " Exposition du 13 mai au 12 juillet 2009 Detáil http://www.maisonphoto.com/agenda/urban.php
  14. Joao Urban " Tu i Tam " Exposition du 13 mai au 12 juillet 2009 Vernissage http://www.transphotographiques.com/2009/photos/maisonphoto-13mai/index.html
  15. PolÔnia Brasil (10/10/2016. Casa da Cultura Polônia Brasil e Consulado Geral da República da Polônia em Curitiba apresentam a exposição “Aproximações” de João Urban, simultaneamente no Brasil, Polônia e Ucrânia. Disponível em emhttp://poloniabrasil.org.br/?p=934
  16. O Lavrador 501. pp11-13. https://issuu.com/folcloreucranianobarvinok/docs/o_lavrador_-_501
  17. Nasz Głos Poznański nr 109. https://issuu.com/naszglospoznanski/docs/ngp_161114_109 pp 10-11
  18. Museu Paranense recebe exposição do fotógrafo João Urban. Disponível em http://www.museuparanaense.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=276&tit=Museu-Paranaense-recebe-exposicao-do-fotografo-Joao-Urban
  19. Museu Paranaense recebe exposição do fotógrafo João Urban . In: Bem Paraná. https://www.bemparana.com.br/noticia/museu-paranaense-recebe-exposicao-do-fotografo-joao-urban#.XbJF-Jxv9hE
  20. FOTOGRAFIA DE JOÃO URBAN NO MUSEU PARANAENSE http://www.revistaideias.com.br/2019/08/23/fotografia-de-joao-urban-no-museu-paranaense/
  21. Bastos, Márcio,(2020) João Urban apresenta fotografias sobre o sagrado na Arte Plural. https://jc.ne10.uol.com.br/cultura/2020/03/5601749-joao-urban-apresenta-fotografias-sobre-o-sagrado-na-arte-plural.html
  22. A demarcação temporal de João Urban. Bem Paraná. 05/12/06 https://www.bemparana.com.br/noticia/a-demarcacao-temporal-de-joao-urban-10294#.XbCoLpxv9hE
  23. Museu Oscar Niemeyer exibe os 40 anos da fotografia de João Urban https://www.tribunapr.com.br/mais-pop/museu-oscar-niemeyer-exibe-os-40-anos-da-fotografia-de-joao-urban/
  24. 14ª Bienal de São Paulo (1977), Catálogo. João Urban (Arqueologia do Urbano. p.19 Luva - Mão - Ferramenta - p39.
  25. Documento Bienal de La Habana 05ª - Representação brasileira http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/71541
  26. V Bienal de La Habana / 1994 Tema: Arte, Sociedad, Reflexión. In: artcrônica: Un espaciopra las artes visuales cubanas. https://www.artcronica.com/directorio/eventos-arte/bienal-de-la-habana/quinta-v-bienal-de-la-habana-1994/
  27. Camera, Patrícia (2011). «Breve Panorama sobre a difusão da fotografia na cidade de Curitiba (1938-2004)» (PDF). Anais... VII Fórum de pesquisa científica em arte , 2011. Curitiba: EMBAP. pp. 63–75 
  28. Tibol, Raquel (1978). Hecho en Latinoamérica, Primera muestra de la Fotografía Latinoamericana Contemporánea. Cuidad de México: Consejo Mexicano de la Fotografía. p. 20 
  29. I Trienal de Fotografia do Museu de Arte Moderna de São Paulo 1980. Catálogo. http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/90259
  30. «TRIENAL de Fotografia (1. : 1980 : São Paulo, SP).». ENCICLOPÉDIA Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras (em ptbr). São Paulo: Itaú CUltural. ISBN 978-85-7979-060-7. Consultado em 23 de abril de 2020 
  31. Carvalho, Maria LUiza Melo (1996). Novas Travessias: Contemporary Brazilian Photography. London, New York: Verso. p. 25. Urban and Sergio Zalis presents a conception of the image which merges with the constant and palpable presence of the roots 
  32. Fialho, Ana Letícia do Nascimento (2006). L’insertion internationale de l’art brésilien Une analyse de la présence et de la visibilité de l’art brésilien dans les institutions et dans le marché (Tese). École des Autes Études en Sciences Sociales, Sciences de l'art et du langage. p. 137, note 239,. Consultado em 23 de abril de 2020. nota de rodapé 239: L’exposition a été un partenariat du musée avec le Consejo Mexicano de la fotografía et le Centre Culturel de Mexique à Paris. Elle a eu comme commissaire Alain Sayag. Les Brésiliens qui ont participé sont : Luiz Abreu, Claudia Andujar, Antonio Carlos d’Avila, Antonio Luis Benck-Vargas, Nair Benedicto, Miguel Rio Branco, Renata Falzoni, Januario Garcia, Rosa Gauditano, Mauri Granado, Milton Guran, Boris Cosoy, Delfim Lourenço, Ayrton Magalhães, Rino Marconi, Ana Regina Nogueira, Mazda Perez, Adriana Mattoso, Antonio Saggese, Carlos Terrana, Evandro Teixeira, João Urban, Carlos Alberto Vieira. 
  33. «mac Paraná. História». Consultado em 20 de abril de 2020 
  34. 4ª Semana de Fotografia. 1994 Catálogo. http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/91364
  35. INTERNATIONALE JUNIFESTWOCHEN (Org.). Brasilien: Entdeckung und Selbstentdeckung : [Ausstellungen: Kunsthaus Zürich, 22. Mai bis 16. August 1992, Kunsthaus Zürich, Schweizerische Stiftung für die Photographie, 22. Mai bis 26. Juli 1992 ...] : [Katalog. Zürich: Präsidialabteilung der Stadt Zürich, 1992.
  36. CAMNITZER, Luis. The Fifth Biennial of Havana. Third Text, v. 8, n. 28–29, p. 147–154, 1 set. 1994. https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/09528829408576511
  37. https://www.julieweisz.com.ar/bio
  38. (Presentación del libro La utopía amorosa, de Susana Balán, con una muestra fotográfica por los 150 años de Cartier, con obras de Anatole Saderman, Grete Stern, Fabiana Barreda, Marcos López y otros, en el Centro Cultural Borges http://catalogo.espigas.org.ar/cgi-bin/koha/opac-detail.pl?biblionumber=25654&query_desc=kw%2Cwrdl%3A%20la%20utop%C3%ADa%20amorosa
  39. Texto reproduzido de reportagem do Jornal do Estado/PR, de 16 de dezembro de 2000, em matéria escrita por Paulo Polzonoff Jr. Cenário: Exposição “Aparecidas”, de João Urban e Suzana Barretto. ILIADAHOMERO. Ilíadahomero, primeira récita – Cantos 1, 3, 16 e 21 – Beto Batata, Curitiba/PR – 17/12/2000. Ilíadahomero. [S.l: s.n.]. Disponível em: <https://iliadahomero.wordpress.com/2008/02/25/primeira-recita-da-iliada-no-beto-batata-curitibaprbrasil-17122000/>. Acesso em: 25 out. 2019. , 25 fev. 2008.
  40. Programação  Casas do Brasil – 2006 | Museu da Casa Brasileira. mcb museu da casa brasileira. [S.l: s.n.]. Disponível em: <https://mcb.org.br/pt/programacao/exposicoes/casas-do-brasil-2006/>. Acesso em: 25 out. 2019.
  41. Guillermo Salvo (2007) Post https://www.flickr.com/groups/92322512@N00/discuss/72157600323834775/72157600341432626
  42. CEARENSES PARTICIPAM DE ENCONTRO INTERNACIONAL DE FOTOGRAFIA NA CHINA - http://institutodafotografia.blogspot.com/2010/09/
  43. Guy Veloso – documentary photography Post https://guyveloso.wordpress.com/2010/08/10/pingyao-international-photography-festival-pip-china/
  44. Magalhẽs, Ângela; Peregrino, Nadja. 2011. Um certo Brasil foi a China. Revista Revista Foto Grafia: Universo Fotográfico. N 4. jan. pp 20-35. https://issuu.com/foto_grafia/docs/foto_grafia_n.04_
  45. Ordem e Progresso: vontade constrututiva na arte brasileira. Catálogo http://arquivo.bienal.org.br/pawtucket/index.php/Detail/documento/91364
  46. URBAN, João; URBAN FURTADO, Teresa. Bóias-frias: Tagelöhner im Süden Brasiliens. Tradução Ray-Güde Mertin. St. Gllen; Wuppertal, Alemanha: Edition dià, 1984.
  47. URBAN, João; FURTADO, Teresa Urban. Bóias-frias: vista parcial. St. Gallen, Suíça. Wuppertal, Alemanha: Edition Diá; Curitiba, Brasil: Fundac̦ão Cultural de Curitiba, 1988.
  48. TRINDADE, Jaelson Bitran; URBAN, João. Tropeiros. São Paulo, SP: Ed. Publicações e Comunicações, 1992.
  49. URBAN, João; BARRETTO, Suzana. Aparecidas / fotografias João Urban. Campinas, SP: Tempo d’Imagem, 2002.
  50. URBAN, João; URBAN, Teresa. Tu i tam [= aqui e lá]: memória da imigração polonesa no Paraná. Primeiro de Maio, Paraná, Brasil: Mirabilia, 2004.
  51. PERSICHETTI, Simonetta; TRIGO, Thales. João Urban. São Paulo: Senac, 2005. (Coleção Senac de fotografia, 8)
  52. URBAN, Teresa; URBAN, João. Rios por onde passo. Curitiba: Mater Natura -- Instituto de Estudos Ambientais, 2007.
  53. URBAN, João. Mar e Mata: A serra, a floresta e a baía: seus homens e suas mulheres. Curitiba, PR: Edições Água Forte, 2009.
  54. URBAN, João. Passeio Público. Curitiba, PR: Edições Água Forte, 2016.
  55. URBAN, João. Benedito Rosário. Rio de Janeiro, RJ: Confraria do Vento, 2019.
  56. MAGNANI, José Guilherme Cantor; CODESUL. A Represa e os colonos. Curitiba: Secretaria de Estado da Cultura e do Esporte, Coordenadoria do Patrimônio Cultural, Conselho de Desenvolvimento do Extremo Sul, 1986. (Cadernos do Patrimônio:. Série Estudos, 2).
  57. COORDENADORIA DO PATRIMÔNIO CULTURAL; CODESUL. Tropeirismo: um modo de vida. Curitiba, Paraná: Governo do Estado do Paraná, Secretaria de Estado da Cultura, Coordenadoria do Patrimônio Cultural : Conselho de Desenvolvimento do Extremo Sul, 1989. (Cadernos do Patrimônio:. Série Pesquisa, 1).
  58. Ribeiro, Susana & Urban, João. Que festa é essa? Ensaio fotográfico sobre a Festa de São Benedito em Aparecida do Norte. Revista Studium N 2. Inverno 2000. Disponível em https://www.studium.iar.unicamp.br/dois/index.html
  59. URBAN, João. Wischral: Memória e Magia. In: SUTIL, MMarcelo Saldanha; BARACHO, Maria Luiza Gonçalves. O Acervo Arthur Wischral: documentos de um olhar. Curitiba: Fundação Cultural de Curitiba, 2007. pp. 6-9. ISSN 0102-3268.
  60. URBAN, João. Mar e Mata: A serra, a floresta e a baía: seus homens e suas mulheres. Curitiba, PR: Edições Água Forte, 2009.
  61. Susana Ribeiro & João Urban. Que festa é essa? Ensaio fotográfico sobre a Festa de São Benedito em Aparecida do Norte. Revista Studium N 2. Inverno 2000. Disponível em https://www.studium.iar.unicamp.br/dois/index.html e em https://www.studium.iar.unicamp.br/dois/studium-2.pdf
  62. Revista Germina: Revista de Literatura e Arte. v. 3. n.2 abril 2007. Disponível em https://www.germinaliteratura.com.br/index_edicaomarabr07.htm e https://www.germinaliteratura.com.br/fotografia_joaourban07_capa.htm
  63. João Urban. In: Helena v1 n1 . Outubro de 2012 pp 77-87. Disponível em https://issuu.com/revistahelena/docs/helena1
  64. FOTOSUL (EXPOSITION) et al. (Org.). 1a. FOTOSUL 83: presença do imigrante na Região Sul. Curitiba: FUNARTE, Escritório Regional de Curitiba, Núcleo de Fotografia, 1983. http://portais.funarte.gov.br/brasilmemoriadasartes/acervo/infoto/fotosul-1983/ http://enciclopedia.itaucultural.org.br/evento531006/fotosul-presenca-do-imigrante-na-regiao-sul-1-1983-curitiba-pr
  65. CENTRE POMPIDOU; BIBLIOTHÈQUE PUBLIQUE D’INFORMATION. Brésil des Brésiliens. Paris: Centre Georges Pompidou, Bibliothèque publique d’information, 1983.
  66. Michele e Michel Auer - Editions Camera Obscura, Paris,1985
  67. AUER, Michel; AUER, Michele. Encyclopédie internationale des photographes de 1839 à nos jours, coffret de 2 volumes. Hermance, Switzerland: Editions Camera Obscura, 1996.
  68. FLUSSER, Vilém. João Urban: Tagelöner im Süden Brasileins. In: European Photography, 2 Photography – Today/Tomorrow (II), Göttingen, Nr. 22, Vol. 6, Heft 2, April/Mai/Juni 1985, S. 31–32. Citado por Klaus Sander Flusser-Quellen http://s3.amazonaws.com/arena-attachments/1485097/d85714e287d539db39da46f0e5198b20.pdf no 189.)
  69. Manuscrito: “Boias-frias”, von Joao Urban und Teresa Urban Furtado, Edition “dia”. Draft disponível em FlusserBrasil Deutsch texte http://www.flusserbrasil.com/art630.pdf
  70. ZANINI, Walter; FUNDAÇÃO DJALMA GUIMARÃES (SÃO PAULO, Brésil); INSTITUTO WALTHER MOREIRA SALLES (BRÉSIL). História geral da arte no Brasil. São Paulo: Instituto Walther Moreira Salles : Fundação Djalma Guimarães, 1983.
  71. INTERNATIONALE JUNIFESTWOCHEN (Org.). Brasilien: Entdeckung und Selbstentdeckung : [Ausstellungen: Kunsthaus Zürich, 22. Mai bis 16. August 1992, Kunsthaus Zürich, Schweizerische Stiftung für die Photographie, 22. Mai bis 26. Juli 1992 ...] : [Katalog. Zürich: Präsidialabteilung der Stadt Zürich, 1992.
  72. BILLETER, Erika. Canto a la realidad: fotografía latino-americana 1860-1993. Madrid: Casa de América, 1993.
  73. BILLETER, Erika; DETTMERS-SCHREIECK, Maria; SOMMER, Herbert M. Fotografie Lateinamerika = Canto a la realidad: 1860-1993. Bern: Benteli, 1994.
  74. CARVALHO, Maria Luiza Melo. Contemporary Brazilian Photography = Novas Travessias. London; New York: Verso, 1996.
  75. PERSICHETTI, Simonetta. Imagens da fotografia brasileira 1. Sa̋o Paulo, SP: Estaça̋o Liberdade : Editora SENAC, 2000.
  76. PERSICHETTI, Simonetta; ANDUJAR, Claudia. Imagens da fotografia brasileira 2. Sa̋o Paulo, SP: Estaça̋o Liberdade : Editora SENAC, 2000.
  77. https://www.folhadelondrina.com.br/folha-2/mis-lanca-o-livro-e-a-mostra-brasil-500-anos-269145.html
  78. https://www.folhadelondrina.com.br/folha-2/cem-fotografos-retratam-brasil-durante-24-horas-154089.html
  79. Paula Simmas (Org) (1999) Brasil 22 de Abril de 1500-1999: 100 fot́ógrafos retratam o cotidiano do país em 24 horas. Gráfica Ipiranga
  80. FELIZARDO, Luiz Carlos. O relógio de ver. Porto Alegre, Brazil: FUMPROARTE, Prefeitura de Porto Alegre, Secretaria Municipal da Cultura : Gabinete de Fotografia, 2000.
  81. SIERRA, Piero et al. Museu de Arte de São Paulo: Colecção Pirelli. São Paulo: Museu de Arte de São Paulo, 1993.
  82. SOARES, Carolina Coêlho. Coleção Pirelli MASP de fotografia - fragmentos de uma memória. 2006. text – Universidade de São Paulo, 2006. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27131/tde-04082009-214209/>. Acesso em: 23 out. 2019.
  83. Coleção Pirelli Masp de Fotografia https://www.colecaopirellimasp.art.br/autores/47/obra/147
  84. BRASILCONNECTS. Visões e alumbramentos: fotografia contemporânea Brasileira na coleção Joaquim Paiva = Visions and dazzlements : contemporary Brazilian photography in the Joaquim Paiva collection. São Paulo: BrasilConnects, 2002.
  85. MAGALHÃES, Angela; PEREGRINO, Nadja Fonsêca. Fotografia no Brasil: um olhar das origens ao contemporâneo. Rio de Janeiro: FUNARTE (Fundação Nacional de Arte), 2004.
  86. OTERO, Andrés; MUSEU DA CASA BRASILEIRA. Casas do Brasil, 2006: fotografias. São Paulo, SP: Museu da Casa Brasileira : Secretaria de Estado da Cultura, Governo do Estado de São Paulo, 2006.
  87. PERSICHETTI, Simonetta. Imagens da fotografia brasileira 1. Sa̋o Paulo, SP: Estaça̋o Liberdade : Editora SENAC, 2000. pp ??-??
  88. Pinto, Danielle (2004) Revista Fotos & Imagens: Itajaí, SC. #43 outubro/novembro de 2004
  89. 2014. Joao Urban - Entrevista. In: pequenoencontrodafotografia.https://pequenoencontrodafotografia.com/2014/05/15/joao-urban-entrevista/amp/
  90. Aleksandra Pluta (2015) João Urban #fotografia.In Culture.pl Artistis. disponível em https://culture.pl/pt/artist/joao-urban
  91. DE OLIVEIRA FILHA, Elza Aparecida. As imagens e palavras de João Urban. Cadernos da Escola de Comunicação, Unibrasil. v. 1, n. 3, p. 12–32, 6 fev. 2017. (fotografia de Humberto Michaltchuk) Disponível em https://www.yumpu.com/pt/document/view/12672164/entrevista-com-o-fotografo-joao-urban-realizada-em . Acesso em 23 de abril de 2020
  92. MERKLE, Luiz Ernesto ; SANTOS, Marinês Ribeiro ; URBAN, João . João Urban: a fotografia como prática de resistência. TOM Caderno de Ensaios UFPR, v. 5, ISSN: 2448-136X , p. 138-189, 2019. Disponível em http://www.proec.ufpr.br/links/cultura/tom.html, em http://www.proec.ufpr.br/download/cultura/tom/tom10.pdf, e em https://issuu.com/tom_ufpr/docs/tom_ufpr_v5__n10__2019
  93. 2020 Bittencourt, Sandra . João Urban fala sobre a exposição A Paisagem e o Sagrado.https://www.cbnrecife.com/revistaeletronica/artigo/entrevista-joao-urban-fala-sobre-a-exposicao-a-paisagem-e-o-sagrado
  94. {{cite book | last=Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil| date=2010 |title= O fazer cultural na fotografia Brasileira. |pages=70 | url= https://www.redefoto.org.br/wp-content/uploads/sites/13/2018/02/catalogo-rede-REV-3.pdf%7C access-date=23 de bril de 2020| quote=Semana de Fotografia da Cidade de Curitiba A Semana de Fotografia da Cidade de Curitiba, no Paraná, foi organizada pelo fotógrafo Alberto de Melo Viana, através da Agência Konexão, contratado pela Fundação Cultural de Curitiba, sob gestão de Lucia Camargo. Viana foi responsável pelos dois primeiros festivais, que ocorreram em 1991 e 1992. A coordenação do evento ficou então por conta dos fotógrafos João Urban e Orlando Azevedo, diretor de artes visuais da Fundação, que deram continuidade à terceira e quarta Semanas. Na sequência, é criada a Bienal de Internacional de Fotografia da Cidade de Curitiba, provocando a extinção do evento. No formato tradicional de festivais, a Semana de Fotografia contava com exposições, workshops, palestras, entre outros eventos, onde participaram fotógrafos, curadores e pesquisadores como Claudio Feijó, Zeca Linhares, Leopoldo Plentz, Miguel Chikaoka, Iatã Cannabrava, Rubens Fernandes Junior, José Albano, Valdir Cruz, Luis Humberto, Boris Kossoy, Rosely Nakagawa, Joaquim Paiva, Aristides Alves, Emidio Luisi, Vilma Slomp, Marcos Magali, Bob Wolfenson, J.R.Duran, Sebastião Salgado, Cristiano Mascaro, entre tantos outros.(grifo wikipedia)
  95. João Urban Fotografias https://pt-br.facebook.com/Jo%C3%A3o-Urban-Fotografias-158254420898990/
  96. João Urban. In: Sibila. Revista de poesia e crítica literária.http://sibila.com.br/author/joao-* urban//sibila.com.br/author/joao-urban
  97. Hamilton Zambiancki (2011) Perfil: Os olhos de vidro de João Urban. Marco Zero. Jornal-Laboratório do Curso de Jornalismo da Facintar. Ano III Número 16. p 3. Curitiba, novembro de 2011.
  98. Rebinski Junior, Luiz (2011) Escrevendo com Imagens. Cândido: Jornal da Biblioteca Pública do Paraná n. 2. Setembro 2011. p. 28-29. https://issuu.com/bibliotecapr/docs/candido2
  99. João Urban, Fotógrafo. In: Modos de Olhar: Uma coisa bonita era para se dar ou para se receber, não apenas para se ter. Clarice Lispector. disponível em http://modosdeolhar.blogspot.com/2012/03/joao-urban-fotografo.html
  100. João Urban In:os dias todos iguais, esses assassinos ... https://www.anterodealda.com/osdiastodosiguais/convidados_joao_urban.htm
  101. oão Urban . Enciclopédia Itaú Cultural https://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa17673/joao-urban
  102. João Urban e a memória melancólica. In: Olho de vidro http://olhosintetico.blogspot.com/2015/04/joao-urban-e-memoria-melancolica_28.html
  103. Martins, Iane (2019) João Urban: O contador de histórias. Revista Idéias. 17 de abril de 2019. https://www.revistaideias.com.br/2019/04/17/joao-urban-o-contador-de-historias/
  104. João Urban. In: Gaviela as a bird. Iconoteca Fotógrafos Brasileiros https://gaviela.wordpress.com/tag/joao-urban/
  105. João Urban - 40 anos de carreira . In: Solda: Cartunista cáustico. http://cartunistasolda.com.br/joao-urban-40-anos-de-carreira-2/
  106. Bastos, Márcio. ( 2020) João Urban apresenta fotografias sobre o sagrado na Arte Plural: Fotógrafo paranaense registrou cerimônias de candomblé, além de cenas das cidades pernambucanas.https://jc.ne10.uol.com.br/cultura/2020/03/5601749-joao-urban-apresenta-fotografias-sobre-o-sagrado-na-arte-plural.html
  107. Macambira, Germana (2020) João Urban: olhos de fora e coração entregue em exposição na APG. Fotógrafo curitibano abre exposição 'A Paisagem e o Sagrado' na Arte Plural Galeria, com imagens do tempo em que morou em Pernambuco. https://www.folhape.com.br/diversao/diversao/exposicao/2020/03/10/NWS,132957,71,629,DIVERSAO,2330-JOAO-URBAN-OLHOS-FORA-CORACAO-ENTREGUE-EXPOSICAO-APG.aspx
  108. *Abade, De Vivian Leila Bosquila. Olhar Fotográfico de João Urban: Imigrantes e Descendentes de Imigrantes Poloneses, na Década de 1980 no Paraná. Faculdade de Artes do Paraná - Curitiba
  109. Bárbara Pombo 2008 A democratização da Memória. 19 de agosto de 2008 . Ano IX n419. Lona: Jornal Laboratório do Curso de Jornalismo da Universidade Positivo. Pp 4-5 Disponível em https://issuu.com/lonaup/docs/19.08.08_-_419