Klubi Futbollistik Skënderbeu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Skënderbeu
KS Skenderbeu.png
Nome Klubi Futbollistik Skënderbeu Korçë
Alcunhas Ujqerit e Debores
(Lobos-da-neve)
Fundação 15 de abril de 1909 (109 anos)
Estádio Skënderbeu Stadium
Capacidade 12.000
Localização Korçë, Albânia
Presidente Ardian Takaj
Treinador Ilir Daja
Material (d)esportivo Puma
Competição Campeonato Albanês
(Superliga)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

O Klubi Futbollistik Skënderbeu Korçë, conhecido apenas por Skënderbeu, é um clube de futebol albanês. Sua sede fica na cidade de Korçë. O seu estádio é o Skënderbeu Stadium, com 12,000 lugares de capacidade.


Historia[editar | editar código-fonte]

Dentro das perspectivas históricas do país, o Skënderbeu é um clube de sucesso recente. A equipe da cidade de Korçë surgiu em 1925, e chegou a ser campeão nacional em 1933. Contudo, nunca esteve entre as principais potências. Durante a época do comunismo, adotou o nome de Puna (trabalho, em albanês), mas apenas oscilou entre a primeira e a segunda divisão. A grande virada aconteceu a partir de 2009/10, em um momento de baixa. Ameaçado de rebaixamento, o Skënderbeu acabou assumido por um grupo de notáveis – entre os quais faziam parte o presidente da Red Bull na Albânia, o Ministro das Finanças e o prefeito de Korçë. Com dinheiro no caixa, bons patrocínios e uma gestão bem feita, o clube decolou. Após se safar do rebaixamento, conquistou o pentacampeonato albanês.

Assim, o Skënderbeu serve de exemplo de organização dentro do futebol albanês, que nunca foi forte, e ainda sofreu com o sucateamento pós-cortina de ferro. E ainda possui um claro apelo para ser motivo de orgulho nacional na Champions. O nome Skënderbeu homenageia Skanderbeg, um nobre albanês do Século XV, que liderou a resistência na guerra contra o Império Otomano, e que segue como símbolo de heroísmo nacional. Nada mais propício para a cidade de 75 mil habitantes se tornar o centro do futebol nacional. Apos 78 anos na fila, o clube volta a ser campeão nacional nas temporadas 2010-11, 2011-12, 2012-13, 2013-14 e 2014-15 alem de ser vice - campeão da Copa da Albânia em 2011-12 e 2016-17 mais perde as 2 para o KF Tirana .

Escandalo[editar | editar código-fonte]

Em 2016 a UEFA puniu o Skenderbeu com uma multa em dinheiro, alem de o banimento por um ano em competições europeias na temporada 2016/17, por suposta manipulação de resultados em jogos da liga nacional e também em competições continentais, alem de ter o titulo da Superliga 2015/16 retirado. Momentaneamente, o título está vazio até que uma decisão final tenha sido alcançada pelo Comitê Executivo da Associação Albanesa de Futebol.

Liga dos Campeões da UEFA[editar | editar código-fonte]

  • 2011-12 segunda rodada de qualificação .

APOEL vence ambos jogos por 2-0 e 3-0.

  • 2012-13 segunda rodada de qualificação.

apos vencer por 1-0, mas perde 3-0 para o Debreceni.

  • 2013-14 na segunda rodada de qualificação passa por Neftçi Baku , 0-0 e 1-0 na prorrogação,na faze seguinte cai para o Shakhter Karagandy, perdendo de 3-0 e ganhando por 3-2.
  • 2014-15 segunda rodada de qualificação.

Após enfrentar o BATE Borisov e empata 0-0 e 1-1 é eliminado em casa.

  • 2015-16 segunda rodada de qualificação, passa por Crusaders, (4-1,1-3).Na Terceira pré-eliminatória passa por Milsami (2-0,2-0). Nos play-off perde ambos jogos de (2-1,4-1) para o Dinamo Zagreb.

Liga Europa da UEFA[editar | editar código-fonte]

Na temporada 2013-14 após ser eliminado da Champions, entra ja nos Play Offs da Liga Europa da UEFA 2013-14, contra o Odessa, perde de (1-0) e vence por (1-0), mas é eliminados nos pênaltis por 7x6. Ja na temporada 2015-16, o clube jogou a fase de grupos da Liga Europa, um fato histórico para a Albânia, ficando em ultimo, num grupo com o Lokomotiv Moscou, Sporting e Beşiktaş,destaque para os 3-0 sobre os Leões. Após ser banido de competiçoes europeias na temporada 2016 -17, o clube volta a jogar a fase de grupos da Liga Europa em 2017-18, após passar pelas 3 fases gualificatorias e o play offs, caiu no grupo com Dínamo de Kiev, Partizan e o Young Boys, mais uma vez ficando em ultimo somando 5 pontos.

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Nota: Bandeiras indicam equipe nacional, conforme definido pelas regras de elegibilidade da FIFA. Os jogadores podem ter mais de uma nacionalidade não-FIFA.

N.º Posição Jogador
1 Albânia G Orges Shehi
2 Albânia M Amarildo Dimo
3 Albânia D Renato Arapi
7 Albânia M Erbim Fagu
8 Nigéria M Nurudeen Orelesi
10 Albânia M Bledi Shkëmbi
11 Albânia A Andi Ribaj
12 Albânia G Erjon Llapanji
14 Albânia M Leonit Abazi
15 Albânia D Ditmar Bicaj
N.º Posição Jogador
17 Albânia M Gjergji Muzaka
19 Mali M Bakary Nimaga
20 Brasil D Ademir
22 Croácia A Pero Pejic
30 Brasil M Esquerdinha
24 Albânia A Artnant Tahirllari
33 Croácia D Marko Radas
78 Sérvia A Ivan Gvozdenovic
88 Albânia M Sabien Lilaj

Títulos[editar | editar código-fonte]

Albânia Superliga Albanesa: 8

  • (1933, 2010-11, 2011-12, 2012-13, 2013-14, 2014-15, 2015-16 e 2017-18)

Albânia Copa da Albânia: 1

  • (2017-18)

Albânia Segunda Divisão Albanesa: 2

  • (1975–76, 2006–07)

Albânia Supercopa da Albânia: 3