Líquido seminal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde agosto de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Vesícula seminal , ducto ejaculador e próstata (face posterior)

O líquido seminal é a parte do sêmen sem espermatozóides. É composto por secreções da vesícula seminal (80%), próstata e glândula bulbouretral, além de muito escasso componente proveniente do epidídimo e testículos.

O plasma seminal dos humanos contém um complexo de componentes orgânicos e inorgânicos.

O plasma seminal fornece um meio nutritivo e protegido para os espermatozóide produzidos no testículo durante as suas jornadas até o trato reprodutivo feminino.

Podendo conter espermatozoides em alguns casos.