Leão Chamaidracon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Leão Chamaidracon
Nacionalidade Império Bizantino
Ocupação General
Título
Religião Catolicismo

Leão Chamodracon ou Chamaidracon (em grego: Λέων Χαμοδράκων/Χαμαιδράκων) foi um alto funcionário palaciano bizantino, que manteve o posto de protovestiário durante o reinado do imperador Teófilo (r. 829–843). É mencionado precocemente no reinado de Teófilo como participando no processo contra os assassinos de Leão V, o Armênio (r. 813–820), e novamente depois, quando defendeu Manuel, o Armênio de acusações de traição.[1]

Referências

  1. Winkelmann 2000, p. 57.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Winkelmann, Friedhelm; Ralph-Johannes Lilie; Claudia Ludwig; Thomas Pratsch; Ilse Rochow; Beate Zielke (2000). «Leon (#4454)». Prosopographie der mittelbyzantinischen Zeit: I. Abteilung (641–867), 3. Band: Leon (#4271) – Placentius (#6265) (em alemão). Berlim, Alemanha e Nova Iorque, EUA: Walter de Gruyter. pp. 136–141. ISBN 978-3-11-016673-6  Parâmetro desconhecido |capítuloulr= ignorado (ajuda)