Maker Studios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maker Studios fairuse.jpg

Maker Studios Inc. é uma rede americana de multi-canal do Youtube, co-fundada por Lisa Donovan, Danny Zappin, Scott Katz, Kassem G , Shay Carl , Ben Donovan, e Philip DeFranco.[1] Shane Dawson também estava envolvido com Lisa Donovan e Shay Carl durante a sua colaboração na rede.[2] Em 24 de março de 2014, Maker Studios Inc. concordou em ser vendida a The Walt Disney Company por US $ 500 milhões, o que poderá aumentar para 950.000 milhões de dólares, se certas metas forem alcançadas.[3] Em 14 de abril 2014, no entanto, a Relativity Media apresentou uma oferta concorrente de até US $ 1,1 bilhão, mas a fabricante negou a oferta.[4]

Sub-redes[editar | editar código-fonte]

Maker Music[editar | editar código-fonte]

A Maker Studios iniciou uma sub-rede chamada Maker Music. Especializada em músicas ainda não descobertas, online ou não.5

Polaris[editar | editar código-fonte]

Anteriormente conhecida como The Game Station, Polaris é uma sub-rede da Maker ligada à cultura de videogames.5 Inclui canais como KSIOlajidebt, Vegetta777, Alexby11, Chuggaaconroy, Markiplier, Dodger, Jesse Cox, SomeOrdinaryGamers, The Yogscast, Game Grumps, TotalBiscuit, Angry Joe, Rabbidluigi, Wartek, Wowcrendor, Lextube, UberHaxorNova and The Creatures, TheRunawayGuys, Shofu, PeanutButterGamer, Did You Know Gaming?, Continue?, ProJared, Egoraptor, Larry Bundy Jr., Stampylonghead, IBallisticSquid, , CaptainSparklez, ModernWarNegro, HMGay, stacysays, and AshleyMarieeGaming.

MakerGen[editar | editar código-fonte]

Uma sub-rede destinada a promover canais pequenos ou em crescimento. Originalmente chamada de Rede RPM porém agora é chamada de MakerGen. A Rede RPM foi responsável por um grande aumento de pontos de visita globais da Maker, que continuou com a MakerGen.

Paramaker[editar | editar código-fonte]

É uma sub-rede brasileira fundada por Felipe Neto em 2012. Atualmente conta com quase 4 mil membros e 600 milhões de visualizações no total, também foi responsável pela criação da sub-rede The Game Station Brasil, cujo canal já possui quase 1 milhão de inscritos. A Paramaker tem como proposta inovar a produção audiovisual na internet brasileira. O nome veio da fusão entre a Parafernalha e a Maker Studios. Em outubro de 2015, Felipe Neto passou a ser responsável pelo núcleo criativo da empresa, vendeu o controle da "Paramaker Network" para a empresa de midia Francesa Webedia, e o atual CEO da empresa é o Franco-argentino Luther Peczan.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.