Malha PET

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Garrafas PET descartadas são reaproveitadas no fabrico da malha PET.

A malha PET é um tipo de malha ecológica que é produzida com fios de algodão reciclado e um percentual do plástico reciclado de garrafas PET.

A reciclagem das garrafas PET[editar | editar código-fonte]

Seu início começa com os catadores de material reciclável, que recolhem as garrafas PET já utilizadas. Elas são enviadas para cooperativas, onde são vendidas para empresas de reciclagem. Depois da lavagem, moagem e descontaminação, transformam-se em pequenos pedaços denominados "flakes" - que serão posteriormente fundidos e transformadas em granulos denominados "pellets". Eles são então transformados em fibras de poliéster. Nesta etapa eles estão prontos para serem utilizados na produção de malhas.

Quando uma garrafa PET é retirada do meio ambiente, evitamos que esse material fique se degradando no meio ambiente por cerca de 400 anos. Considerando-se o crescente consumo desse tipo de material, é muito importante a ação de empresas de diversos segmentos para a diminuição da quantidade deste tipo de produto em lixões e depósitos diversos.

A reciclagem do algodão[editar | editar código-fonte]

Após serem recolhidas os restos e rebarbas de tecido em tecelagens e confecções, o material é separado por cores e transformado em fios novamente. Esse é o tecido reciclado, sem tingimento nem beneficiamento.

Da união do algodão com o poliéster temos a produção de um fio de alta qualidade, que pode ser utilizado na produção dos mais variados artigos têxteis.