Orosiriano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Na escala de tempo geológico, o Orosiriano é o período da era Paleoproterozóica do éon Proterozóico que está compreendido entre 2 bilhões e 50 milhões e 1 bilhão e 800 milhões de anos atrás, aproximadamente. O período Orosiriano sucede o período Rhyaciano e precede o período Statheriano, ambos de sua era. Como os outros períodos de seu éon, não se divide em épocas. Atmosfera livre de oxigênio neste período.

O  Período Orosiriano vem do grego orosira que significa cadeia de montanhas. O período se extende de 2.05 à 1.80 bilhões de anos e é caracterizado como um periodo significativos em qu se deu a formação de montanhas da história da Terra.[1]

As orogenias iniciadas no Rhyaciano terminam sua evolução, embora outras tenham se iniciado no mesmo período, continuando um grande ciclo de colagem de placas.

No final do Orosiriano, essas colagens resultaram em dois grandes continentes: Ártica (constituida de América do Norte, Groenlândia e Sibéria) e Atlântica, constituida da América do Sul e África[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Dios, Fatima. «Era Paleoproterozóica». www.fgel.uerj.br. Consultado em 10 de agosto de 2017 
  2. ROGERS, J.J.W (1996). History of Continents in the Past Three Billion Years. Chicago: J of Geology. pp. 91–107