Orquestra Sinfônica de Adelaide

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Orquestra Sinfônica de Adelaide foi fundada por 17 músicos de rádio, em 1936, em Adelaide, Austrália. A orquestra foi reformada em 1949, passando a ter 55 membros e chamada de Orquestra Sinfônica Australiana do Sul, mas a decisão foi revertida, voltando a ter o atual nome, no ano de 1974[1] e atualmente apresenta 74 membros permanentes. O diretor musical desde 2004 é Arvo Volmer.

Cada ano a orquestra apresenta aproximadamente 100 performances, com uma diversidade musical enorme. Apresenta-se com todas as produções da Ópera Estatal do Sul da Austrália, com o Balé Australiano e a Ópera da Austrália e no Festival de Adelaide.

A orquestra ficou mundialmente conhecida em 1998, com a primeira produção do Ciclo do Anel, de Richard Wagner. Participou novamente da produção do Ciclo do Anel em 2004 e a crítica mundial anunciou que "foi um dos melhores momentos da história da música australiana".

Maestros[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências