Parabenos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Março de 2011). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Parabens.png

Parabenos são uma classe de produtos químicos muito utilizados em cosméticos. Eles são conservantes eficazes em muitos tipos de fórmulas, por isso são utilizados para eliminar micro-organismos. Eles podem ser encontrados em shampoos, hidratantes, cremes de barbear, lubrificantes etc. Pesquisas observaram que eles podem ser tóxicos para as células humanas, além dessas substâncias terem sido encontradas em cânceres de mama.

Muitos subestimam os perigos dessa substância, porém em países desenvolvidos se limitou praticamente a zero o uso dele, pelos riscos e problemas diagnosticados pelo uso do produto.

Quimicamente, os parabenos são os ésteres do ácido 4-hidroxibenzoico com álcoois de cadeia curta.[1]

Sua eficácia como conservantes, em combinação com o seu baixo custo, a longa história da sua utilização, e a ineficácia das alternativas naturais, como o extrato de semente de toranja, explica porque os parabenos são tão comuns. Alguns parabenos são encontrados naturalmente em fontes vegetais. Por exemplo, metilparabeno é encontrado em amoras, onde ele atua como um agente antimicrobiano.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Principais parabenos:[1]

Referências

  1. a b Centers for Disease Control and Prevention, National Report on Human Exposure to Environmental Chemicals, Parabens [em linha]
Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.