Perfil conceitual

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Perfil conceitual é um modelo proposto em 1995 por Eduardo Fleury Mortimer[1] para tentar compreender a convivência, num mesmo indivíduo, de várias representações de um mesmo conceito científico, desde as de senso-comum até as científicas. a partir do Perfil Epistemológico de Bachelard.[2]

Neste modelo, as diferentes interpretações da realidade são compostas em zonas, lado a lado, com características epistemológicas e ontológicas distintas, contendo categorias de análise com poder explanatório sucessivamente crescente, num arranjo gráfico, qualitativo, em que a maior ou menor altura de cada zona nesse gráfico representa a maior ou menor presença dessa maneira de ver no pensamento do indivíduo. O perfil será diferente para cada indivíduo porque, embora as categorias sejam as mesmas para cada conceito, o perfil será fortemente influenciado pelas experiências distintas de cada um.

Em 2014, os autores que têm trabalho com esse modelo publicaram um livro[3] contendo uma atualização da teoria e os principais trabalhos que foram produzidos ao longo desses anos sob suas orientações.

Esse tipo de estudo já foi realizado em relação aos conceitos de

  • reações químicas,[4]
  • átomo e de estados físicos dos materiais, em Química,[5]
  • calor, em Química,[6]
  • espontaneidade, em Química,[7]
  • transformação, em Química,[8]
  • substância,[9]
  • energia, em Física e em Química,[10][11]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. MORTIMER, Eduardo Fleury. Conceptual change or conceptual profile change? Science & Education, vol. 4, n. 3, p. 265-287, 1995.
  2. BACHELARD, Gaston La Philosophie du Non, PUF, Paris, 1940 (trad. port.: A Filosofia do Não: Filosofia do Novo Espírito Científico, Lisboa: Presença, 1991).
  3. Mortimer, Eduardo F.; El-Hani, Charbel N. (2014). Mortimer, Eduardo F.; El-Hani, Charbel N., eds. Conceptual Profiles: A theory of teaching and learning scientific concepts. Col: Contemporary Trends and Issues in Science Education. 42. Dordrecht: Springer Netherlands. ISBN 9789048192458. doi:10.1007/978-90-481-9246-5_7 
  4. SOLSONA, Núria; IZQUIERDO, Mercè; de JONG, Onno. Un Estudio de la Evolución de los Perfiles Conceptuales del Alumnado sobre la Reacción Química. Revista de Educación en Ciencias, v. 2, n. 1, pp. 44-48, 2001
  5. MORTIMER, Eduardo Fleury. Evolução do atomismo em sala de aula: mudança de perfis conceituais. 1994. Tese (Doutorado) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 1994.
  6. AMARAL, Edenia Maria Ribeiro do; MORTIMER, Eduardo Fleury. Uma Proposta de Perfil Conceitual para o Conceito de Calor. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 1, n. 3, pp. 5-18, Bauru, SP: ABRAPEC, 2001
  7. AMARAL, Edenia Maria Ribeiro do; MORTIMER, Eduardo Fleury. Bringing together the epistemological and discursive aspects of classroom interactions in chemistry lessons on spontaneity. In: 4th ESERA Conference, Noordwijkerhout, The Netherlands, 2003. 2003
  8. ROSA, Maria Inês de Freitas Petrucci S.; SCHNETZLER, Roseli Pacheco. Sobre a importância do conceito transformação química no processo de aquisição do conhecimento químico. Química Nova na Escola. n. 8, nov. 1998.
  9. Amaral, Edenia Maria Ribeiro do; Ratis Tenório da Silva, João Roberto; Sabino, Jaqueline Dantas (2018). «Analysing processes of conceptualization for students in lessons on substance from the emergence of conceptual profile zones». Chemistry Education Research and Practice (em inglês). 19 (4): 1010–1028. ISSN 1109-4028. doi:10.1039/C8RP00050F 
  10. MICHINEL, José Luís; ALMEIDA, Maria José Pereira Monteiro. O Funcionamento da Leitura de Textos Divergentes Referentes a Energia: Perfil conceitual de Estudantes de Física. In: VII Encontro de Pesquisa em Ensino de Física, 2000, Florianópolis - SC. São Paulo: Sociedade Brasileira de Física - SBF, 2000
  11. Aguiar, Orlando; Sevian, Hannah; El-Hani, Charbel N. (dezembro de 2018). «Teaching About Energy: Application of the Conceptual Profile Theory to Overcome the Encapsulation of School Science Knowledge». Science & Education (em inglês). 27 (9-10): 863–893. ISSN 0926-7220. doi:10.1007/s11191-018-0010-z 
  12. OLIVEIRA, Gabriel Aguiar; SOUSA, Cristiane R.; DA POIAN, Andrea T.; LUZ, Mauricio Roberto Motta Pinto. Students' misconceptions on Energy Yielding Metabolism: Glucose as the sole metabolic fuel. Advances in Physiology Education, Bethesda, MD, v. 27, n. 9, pp. 97-101, set. 2003
  13. CARRIÃO, Airton. A aquisição do conceito de função: perfil das imagens produzidas pelos alunos. In: Anais do II Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 1998, Rio Claro. pp. 99-103, 1998
  14. ELIAS, Henrique Rizet; RIBEIRO, Alessandro Jacques; SAVIOLI, Angela Marta (19 de março de 2019). «Epistemological Matrix of Rational Number: a Look at the Different Meanings of Rational Numbers». International Journal of Science and Mathematics Education. Consultado em 19 de março de 2019 
  15. COUTINHO, Francisco Ângelo. O Perfil Conceitual do Conceito de Vida. Tese (Doutorado). 2002
  16. Sepulveda, Claudia; Mortimer, Eduardo F.; El-Hani, Charbel N. (2014). Mortimer, Eduardo F.; El-Hani, Charbel N., eds. «Conceptual Profile of Adaptation: A Tool to Investigate Evolution Learning in Biology Classrooms». Dordrecht: Springer Netherlands. 42: 163–200. ISBN 9789048192458. doi:10.1007/978-90-481-9246-5_7 
  17. GOBARA, S. T.; GRÉA, J. Un outil théorique pour caracteriser l'apprentissage des élèves: le profil conceptue l(une application à la notion de périodicité chez les élèves de 4ème et 3ème). In: Sixième Seminaire National de recherche en Didactique de la Physique, de la Chimie et de la Technologie, 1997, Lyon. Sixième Seminaire National de recherche en Didactique de la Physique, de la Chimie et de la Technologie. Lyon: LIRDHIST, 1997. v. 01. p. 186-196
  18. ZAÏANE, Najoua. Conceptual profile of pupils and students of the radiation. In: 4th ESERA Conference, Noordwijkerhout, The Netherlands, 2003. 2003
  19. SANTOS, Renato P. dos; DOMÉNECH, A. Uma Proposta para o Perfil Conceitual do Conceito de Massa na Física. In: Anais do IX EPEF - Encontro de Pesquisa em Ensino de Ciências, Jaboticatubas, MG, SBF, 26 a 29 de Outubro de 2004, São Paulo: SBF, 2005. Disponível em: http://www.fisica-interessante.com/perfil-conceitual-massa.html[ligação inativa]
  20. RADÉ, Tane. O Conceito de Força na Física - Evolução histórica, perfil conceitual e mudança ontológica, 2005. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Universidade Luterana do Brasil, Canoas, 2005.
  21. RADÉ, Tane & SANTOS, Renato P. dos. Uma proposta de perfil conceitual para o conceito de força. in: Atas do V ENPEC - Encontro Nacional de Pesquisa em Ensino de Ciências, Bauru/SP, ABRAPEC, 28 de Outubro a 2 de Dezembro de 2005, Bauru: Associação Brasileira de Pesquisa em Ensino de Ciências - ABRAPEC, 2005. Disponível em: http://www.fisica-interessante.com/perfil-conceitual-forca.html[ligação inativa]
  22. DRUZIAN, Aline; RADÉ, Tane & SANTOS, Renato P. dos. Uma proposta de perfil conceitual para os conceitos de luz e visão. in: Atas do VI ENPEC - Encontro Nacional de Pesquisa em Ensino de Ciências, Florianópolis/SC, ABRAPEC, 28 de Outubro a 1 de Dezembro de 2007, Bauru: Associação Brasileira de Pesquisa em Ensino de Ciências - ABRAPEC, 2007. Disponível em: http://www.fisica-interessante.com/perfil-conceitual-luz.html[ligação inativa]
  23. QUADROS, Paula P. de & SANTOS, Renato P. dos. A Energia nossa na Leitura de Cada Dia. Acta Scientiae, Canoas, v. 7, n. 2, 2007. Disponível em: http://www.fisica-interessante.com/energia-na-midia.html Arquivado em 28 de junho de 2009, no Wayback Machine..
  24. DRUZIAN, Aline; BRÜCKMANN, Iades A. & SANTOS, Renato P. dos. Construção de um Teste através de um Inventário do Conceito de Energia. in: Atas do V ENPEC - Encontro Nacional de Pesquisa em Ensino de Ciências, Bauru/SP, ABRAPEC, 28 de Outubro a 2 de Dezembro de 2005, Bauru: Associação Brasileira de Pesquisa em Ensino de Ciências - ABRAPEC, 2005. Disponível em: http://www.fisica-interessante.com/teste-de-energia.html Arquivado em 28 de junho de 2009, no Wayback Machine..
  25. DRUZIAN, Aline. O Conceito de Energia na Física - Evolução Histórica, Perfil Conceitual e Mudança Ontológica, 2008. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Universidade Luterana do Brasil, Canoas, 2008
  26. GUABIRABA, Semíramis C. da S.; SANTOS, Renato P. dos. Sobre a formação do conceito de fração numa perspectiva histórico-crítica do ponto de vista psicogenético piagetiano. in: Atas do IV Congresso Internacional de Ensino da Matemática, Canoas/RS, ULBRA, 25 a 27 de Outubro de 2007, Canoas: ULBRA, 2007. Disponível em: http://www.fisica-interessante.com/perfil-conceitual-fracao.html Arquivado em 17 de outubro de 2008, no Wayback Machine.
  27. GUABIRABA, Semíramis C. da S. Formação do conceito de fração numa perspectiva histórico-crítica do ponto de vista Psicogenético Piagetiano, 2008. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Universidade Luterana do Brasil, Canoas, 2008.
  28. Nicolli, Aline Andréa; Mortimer, Eduardo F. (2014). Mortimer, Eduardo F.; El-Hani, Charbel N., eds. «Building a Profile Model for the Concept of Death». Dordrecht: Springer Netherlands. 42: 293–321. ISBN 9789048192458. doi:10.1007/978-90-481-9246-5_11 
Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.