Petra Schneider

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Petra Schneider
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Petra Schneider
Estilo 200 e 400m medley, 400m livres
Nascimento 11 de janeiro de 1963 (54 anos)
Chemnitz, Alemanha
Nacionalidade  Alemanha
Compleição Peso: 60 kg Altura: 1,72m

Petra Schneider (Chemnitz, 11 de janeiro de 1963) é uma nadadora alemã, ganhadora de duas medalhas em Jogos Olímpicos.

Ela ganhou uma medalha de ouro nos 400 metros medley nas Olimpíadas de Moscou 1980, e bateu cinco recordes mundiais na natação. Ela foi nomeada pela revista Swimming World como "Nadadora Mundial do Ano" em 1980 e 1982, mas suas realizações são vistas com desconfiança, devido à execução de um programa sistemático de doping ocorrido na Alemanha Oriental. Mais tarde, admitiu ter se dopado [1]

Em 2005, ela pediu para que o seu último recorde restante (recorde nacional alemão nos 400 m medley) fosse retirado dos livros de recordes, porque foi conseguido com a ajuda de esteróides.[2]

Schneider ganhou destaque no Campeonato Mundial de 1978 em Berlim, ganhando bronze nos 400 metros medley atrás de sua arquirrival Tracy Caulkins dos Estados Unidos, com quem compartilha o mesmo aniversário. Depois disso, ela nunca mais perdeu de Caulkins novamente, e repetidamente baixou o recorde mundial de Caulkins no evento, três vezes em 1980, de 4:40.83 para 4:36.29 nos Jogos Olímpicos de Moscou, que foi boicotado pelos Estados Unidos. Ganhou os 400m medley deixando a medalhista de prata Sharron Davies, do Reino Unido, 10 segundos para trás. Ela melhorou seu recorde para 4:36.10 no Mundial de Guayaquil 1982 e não foi superada até 1997.

Ela também foi recordista mundial nos 200 metros medley, mas lhe foi negada uma chance de medalha de ouro nas Olimpíadas, pois o evento foi cancelado em 1980. Ela também obteve uma medalha de prata nos 400 metros livres.

No Campeonato Mundial de 1982 no Equador, venceu as duas provas de medley e ganhou uma prata nos 400 metros livres. Ela também ganhou três medalhas em campeonatos europeus e bateu oito recordes da Europa. Ela também foi nomeado pela Swimming World como a "Nadadora Européia do Ano" em 1979 e 1980. No entanto, sua carreira olímpica foi encerrada quando o bloco soviético, incluindo a Alemanha Oriental, organizou um boicote de retaliação aos Jogos Olímpicos de Verão de 1984 em Los Angeles.

Foi recordista mundial dos 200 metros medley entre 1980 e 1981, dos 400 metros medley entre 1980 e 1997, e dos 1500 metros livres em piscina curta entre 1982 e 2004.

Referências