Procópio (mestre dos soldados)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Procópio
Nacionalidade Império Bizantino
Parentesco Procópio (parente)
Filho(s) Antêmio
Ocupação General
Título
Religião Cristianismo

Procópio (em latim: Procopius; fl. anos 420) foi um general e político do Império Bizantino, conhecido por ser o pai do imperador romano do ocidente Antêmio. Foi descendente do usurpador Procópio (r. 365–366) contra o imperador Valente (r. 363–378) e esposo da filha do poderoso prefeito pretoriano do Oriente Antêmio.[1]

Por 422, em posse do ofício de duque ou conde dos assuntos militares (comes rei militaris), estava comandando tropas no Oriente contra o Império Sassânida durante a guerra bizantino-sassânida de 421—422 tendo, segundo as fontes, salvado parte do exército romano quando este foi emboscado pelos imortais persas. Neste mesmo ano tomou parte, embora as fontes não sejam muito claras, das negociações que levaram à conclusão da guerra. Após a conclusão da paz, Procópio foi nomeado patrício e mestre dos soldados do Oriente (magister militum per Orientem), possivelmente em substituição de Ardabúrio. É registrado como ainda em posse do ofício por 424.[1]

Referências

  1. a b Martindale 1980, p. 920.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Martindale, J. R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1980). The prosopography of the later Roman Empire - Volume 2. A. D. 395 - 527. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press