Raios anticrepusculares

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Raios anticrepuscular em frente ao sol fora da Flórida na Costa do Golfo dos Estados Unidos
Exemplo de Raios anticrepusculares

Raios anticrepusculares são semelhantes aos raios crepusculares, mas visto do lado oposto ao sol no céu. Os raios anticrepusculares são quase paralelos, mas parecem convergir ao ponto antissolar por causa da perspectiva linear.[1] Os raios anticrepusculares são mais frequentemente visíveis perto do nascer ou pôr do sol. Os raios crepusculares são geralmente muito mais brilhantes do que os raios anticrepuscular. Isto porque para raios crepusculares, vistos no mesmo lado do céu que o sol, a luz de dispersão atmosférica que torna-os visíveis está ocorrendo em ângulos pequenos.

Embora os raios anticrepusculares pareçam convergir para um ponto em frente ao sol, a convergência é, na verdade, uma ilusão. Os raios são de fato quase paralelos, mas a aparente convergência é o ponto de fuga para o infinito.[2]




Raios anticrepusculares observados em Tokyo, no Japão.

Referências

  1. John A. Day (2005), 'The Book of Clouds, Sterling Publishing Company, Inc., pp. 124–127, ISBN 978-1-4027-2813-6, consultado em outubro de 2010.
  2. Cowley, Les, "Anti-crepuscular rays", Atmospheric Optics, consultado em novembro de 2011.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.