Raposa-orelhuda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaRaposa-veloz
Vulpes velox

Vulpes velox
Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Classe: Mammalia
Ordem: Carnivora
Família: Canidae
Género: Vulpes
Espécie: V velox
Nome binomial
Vulpes velox
(Say, 1823)
Distribuição geográfica
Swift Fox area.png

A raposa-veloz (Vulpes velox) é uma pequena raposa encontrada nas pradarias ocidentais da América do Norte, como Montana, Colorado, Novo México, Oklahoma[1] e Texas[2]. Habita também Manitoba, Saskatchewan e Alberta, no Canadá, onde havia sido anteriormente extinta.[3]

Habitat e distribuição[editar | editar código-fonte]

A raposa-orelhuda reside primariamente em desertos e pradarias e forma suas tocas em solos arenosos em pradarias abertas, em campos arados, ou ao longo de cercas.[4] É nativa da região das Grandes Planícies e se estende ao norte da parte central da província de Alberta, no Canadá, ao sul do Texas, chegando ao oeste de Iowa ao Colorado, Kansas, Wyoming, Nebraska, e Montana.[5]

Estado de conservação[editar | editar código-fonte]

A raposa-orelhuda foi outrora uma espécie ameaçada de extinção devido a iniciativas de controle de predadores na década de 30 direcionados sobretudo ao lobo cinzento e ao coiote.[4] A espécie foi exterminada do Canadá já em 1938,[3] mas um programa de reintrodução iniciado em 1983 foi bem sucedido em estabelecer pequenos agrupamentos no sudeste de Alberta e sudoeste de Saskatchewan, não obstante o fato que muitos dos espécimes reintroduzidos não sobreviviam ao primeiro ano.[4] Em maio de 1999, a Canadian Species at Risk Act listava raposa-orelhuda como uma espécie ameaçada no Canadá.[6]

A população exata da espécie é desconhecida, mas é conhecido que habita atualmente apenas 40% da sua extensão histórica.[5] Além do Canadá, existem também agrupamentos no Estados Unidos, de Dakota do Sul ao Texas. Em 1995, a agência U.S. Fish and Wildlife Service determinou que a raposa justificava sua inclusão na lista de espécies ameaçadas, mas que outras espécies de maior prioridade impossibilitavam sua listagem.[7]

Referências

  1. Clair, William (1989). The Mammals of Oklahoma The University of Oklahoma Press [S.l.] p. 30. 
  2. Wozencraft, W. C. (2005). http://www.bucknell.edu/msw3/browse.asp?id=14000891 |chapter-url= missing title (Ajuda). In: Wilson, D. E.; Reeder, D. M. Mammal Species of the World 3rd ed. Johns Hopkins University Press [S.l.] ISBN 978-0-8018-8221-0. OCLC 62265494. 
  3. a b (em inglês) Moehrenschlager, A., Sovada, M. & Members of the IUCN SSC Canid Specialist Group – North America Regional Section (2008). Vulpes velox. 2008 Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da IUCN. IUCN 2008. Obtido em 22 de março de 2009.
  4. a b c Resmer, Karen. «Vulpes velox». Consultado em 2008-04-17. 
  5. a b Defenders of Wildlife. «Swift fox – Defenders of Wildlife». Consultado em 2008-04-21. 
  6. «Species at risk – Swift fox». Species at Risk Public Registry. 2008-04-25. Consultado em March 16, 2009. 
  7. U.S. Fish and Wildlife Service. «Swift fox – Main Page». Consultado em 18 June 2008. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre carnívoros, integrado no Projeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.