Síndrome de Ondine

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Síndrome de Ondine ou síndrome da hipoventilação central congênita (CCHS) é uma doença genética rara que afeta o sistema respiratório. Seus portadores respiram de forma muito leve, especialmente durante o sono, provocando diminuição brusca da quantidade de oxigênio e aumento da quantidade de dióxido de carbono no sangue.[1]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]