Sebecotepe VI

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Caotepré Sebecotepe VI (ou Sebecotepe V) foi um faraó egípcio da Dinastia XIII, durante o Segundo Período Intermediário. De acordo com o egiptólogo Kim Ryholt, seria o 31º faraó da dinastia, enquanto Darell Baker acreditava que seria o 31º.[1][2]Alternativamente,Jürgen von Beckerath e Detlef Franke veem-no como o 25º[3][4][5]

Identidade[editar | editar código-fonte]

Até ao estudo de Ryholt da época do Segundo Período Intermediário, acreditava-se que o sobrenome de Sebecotepe VI era Merotepré. Porém, reavaliando as evidências arqueológicas, Ryholt atribuiu o nome Merotepré a Sebecotepe V e Caotepré a Sebecotepe VI.[1][2]

Provas de existência[editar | editar código-fonte]

Sebecotepe VI na lista do Papiro de Turim como successor de Sebecotepe IV. Contudo, descobriu-se que havia uma lacuna na lista, possivelmente reservada para Merotepré Sebecotepe.[6] É atribuído a Sebecotepe VI um reinado de 4 anos, 8 meses e 29 dias,[7], que Ryholt data entre 1719-1715 a.C.[1] Apesar do reinado relativamente longo para o período em questão, há muito poucos objetos que comprovam o governo deste faraó. Existe um artefacto-escaravelho de i[8] e uma estátua ajoelhante do rei, possivelmente de Querma. Itens de numerosas proveniências incluem seis artefactos-escaravelho, um selo cilíndrico[9] e uma impressão de selo. Finalmente, foi encontrado também um artefacto-escaravelho que trazia a inscrição do sobrenome Khahotepre numa tumba em Jericó, que seria uma forte evidência das relações da XIII dinastia com o Levante.[2]

Família[editar | editar código-fonte]

O pai de Sebecotepe VI seria Sebecotepe IV, cujo reinado é o melhor comprovado de todo o Segundo Período Intermediário. A hipótese é baseada numa inscrição encontrada em Uádi Hudi, que prova que Sebecotepe IV teve um filho chamado Sebecotepe. Se este filho for de facto Sebecotepe VI, a sua mãe seria possivelmente Tjan, esposa de Sebecotepe IV. A esposa de Sebecotepe VI chamar-se-ia Khaenoub (ou Khaesnebou) ou Nubhotepti.[2]

Referências

  1. a b c K. S. B. Ryholt, The political situation in Egypt during the second intermediate period, c. 1800–1550 B.C. Museum Tusculanum Press, 1997, pp 37, 233
  2. a b c d Darrell D. Baker: The Encyclopedia of the Pharaohs: Volume I - Predynastic to the Twentieth Dynasty 3300–1069 BC, Stacey International, ISBN 978-1-905299-37-9, 2008
  3. Jürgen von Beckerath: Untersuchungen zur politischen Geschichte der Zweiten Zwischenzeit in Ägypten, Glückstadt, 1964
  4. Jürgen von Beckerath: Chronologie des pharaonischen Ägyptens, Münchner Ägyptologische Studien 46, Mainz am Rhein, 1997
  5. Thomas Schneider: Ancient Egyptian Chronology - Edited by Erik Hornung, Rolf Krauss, And David a. Warburton, available online, see p. 176
  6. Ryholt, pp.22-23
  7. Thomas Schneider: Lexikon der Pharaonen, p. 257
  8. Scarab of Khahotepre Sobekhotep, Metropolitan Museum of Art
  9. Cylinder seal of SObekhotep VI, Petrie Museum

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sebecotepe VI