Saltar para o conteúdo

Shivakumara Swami

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Shivakumara Swami
Shivakumara Swami
Shivakumara Swami em 12 de junho de 2007, aos 100 anos
Outros nomes Siddaganga Swamigalu
Nadedaduva Devaru
Kayaka Yogi
Trivida Daasohi
Abhinava Basavanna
Nascimento 1 de abril de 1907
Veerapura, Magadi, Reino de Mysore
Morte 21 de janeiro de 2019 (111 anos)
Tumkur, Karnataka, Índia
Ocupação Humanitário
líder espiritual
educador
chefe do Siddaganga Matha
Período de atividade 1930-2019
Prêmios Padma Bhushan (2015)
Karnataka Ratna (2007)

Shivakumara Swami (nascido Shivanna; Veerapura, 1 de abril de 1907 – Tumkur, 21 de janeiro de 2019)[1] foi um humanitário, líder espiritual, educador e supercentenário indiano. Ele era uma figura religiosa do lingayatismo. Swami ingressou na Siddaganga Matha em 1930, em Karnataka, e tornou-se vidente principal em 1941.[2] Ele também fundou a Sri Siddaganga Education Society.[3] Descrito como o mais estimado adepto do lingayatismo (virashivaísmo), ele era chamado de Nadedaaduva Devaru (Deus ambulante) no estado. Em 2015, Swami foi agraciado pelo Governo da Índia com o Padma Bhushan, o terceiro maior prêmio civil da Índia.[4]

Vida pregressa[editar | editar código-fonte]

Shivanna nasceu em 1º de abril de 1907, em Veerapura, um vilarejo próximo a Magadi, no antigo Reino de Mysore (no atual distrito de Ramanagara, no estado de Karnataka), em uma família vokaliga. Ele era o mais novo dos treze filhos de Gangamma e Honne Gowda. Como eram seguidores devotos das divindades Gangadhareshwara e Honnadevi, os pais de Shivanna o levavam aos santuários em Shivagange e a outros centros religiosos ao redor de Veerapura. Sua mãe, Gangamma, morreu quando ele tinha oito anos.[5]

Shivanna concluiu o ensino fundamental em uma escola rural anglo-vernacular em Nagavalli, um vilarejo no atual distrito de Tumkur. Ele se formou em 1926. Durante esse período, ele também foi aluno residente da Siddaganga Matha. Ele se matriculou no Central College of Bangalore para estudar artes com física e matemática como matérias opcionais. Shivanna era proficiente nos idiomas kannada, sânscrito e inglês.[6]

Shivanna terminou seus estudos na faculdade antes de obter o diploma de bacharel porque havia sido nomeado sucessor de Uddana Shivayogi Swami como chefe do Siddaganga Matha.[7] O amigo de Shivanna e herdeiro do chefe do Matha, Sri Marularadhya, faleceu em 16 de janeiro de 1930. O chefe em exercício, Shivayogi Swami, escolheu Shivanna para ocupar o lugar de Sri Marularadhya como herdeiro. Após a iniciação formal, Shivanna, renomeado Shivakumara, entrou no viraktashram (a ordem dos monges) em 3 de março de 1930. Ele assumiu o nome pontifício de Shivakumara Swami.[8] Após a morte de Shivayogi Swami em 11 de janeiro de 1941, Shivanna assumiu o comando da matha.[9]

Trabalho social[editar | editar código-fonte]

O Swami fundou um total de 132 instituições para educação e treinamento, que vão desde uma escola maternal até faculdades de engenharia, ciências, artes e administração, bem como treinamento vocacional. Ele estabeleceu instituições educacionais que ensinam sânscrito tradicional, bem como ciência e tecnologia modernas. A gurukula do Swami abriga mais de 10.000 crianças de cinco a dezesseis anos de idade. As casas estão abertas a crianças de todas as religiões, castas e credos, que recebem alimentação, educação e abrigo gratuitos (Trividha Daasoha). Os peregrinos e visitantes do mutt também recebem refeições gratuitas.[10] Sob a orientação do Swami, uma feira agrícola anual era realizada para o benefício da população local.

O Swami era amplamente respeitado por seu trabalho filantrópico. O governo de Karnataka anunciou a instituição do Shivakumara Swamiji Prashasti a partir de 2007, o centenário de nascimento do Swamiji. A. P. J. Abdul Kalam, ex-presidente da Índia, visitou-o em Tumkur e elogiou o trabalho humanitário e as iniciativas do Swami na área da educação.[11] Como outros Lingayats, o Swami aderiu a uma dieta vegetariana rigorosa.[12]

Doença e morte[editar | editar código-fonte]

A partir de 2016, Swami foi repetidamente hospitalizado em Bangalore devido a várias infecções, também se recuperando completamente após o tratamento. As hospitalizações foram relatadas em jornais da região.[13][14] Em 3 de janeiro de 2019, ele foi hospitalizado novamente. Em 11 de janeiro, ele foi colocado em suporte à vida à medida que suas condições se deterioravam. Em 16 de janeiro, apesar da completa falta de recuperação, o Swami foi transferido de volta para Siddaganga Matha a seu próprio pedido. Em 21 de janeiro, foi relatado que ele estava em estado crítico. Ele faleceu às 11h44, horário local, naquele dia.[15] O governo de Karnataka declarou feriado público em 22 de janeiro como parte do período de três dias de luto do estado em sinal de respeito.[16]

Prêmios e reconhecimentos[editar | editar código-fonte]

Em reconhecimento ao seu trabalho humanitário, a Universidade de Karnataka concedeu ao Swami o título de Doutor Honorário em Literatura em 1965.[17] Em seu centenário, em 2007, o Governo de Karnataka concedeu ao Swami o Karnataka Ratna, o mais alto prêmio civil do estado. Em 2015, o Governo da Índia concedeu-lhe o Padma Bhushan.

Em 2017, o governo de Karnataka e seus seguidores buscaram o Bharat Ratna para ele por seu serviço social.[18][19]

Referências

  1. «Lingayat seer Shivakumara Swami dies at 111, Karnataka declares 3-day state mourning». India Today (em inglês). 21 de janeiro de 2019. Consultado em 10 de maio de 2024 
  2. «Sree Siddaganga Mutt». web.archive.org. 5 de setembro de 2011. Consultado em 10 de maio de 2024 
  3. SIT. «Siddaganga Institute of Technology». www.sit.ac.in (em English). Consultado em 10 de maio de 2024 
  4. Bhuvaneshwari, S. (21 de janeiro de 2019). «Siddaganga Mutt seer Shivakumara Swamy passes away». The Hindu (em inglês). ISSN 0971-751X. Consultado em 10 de maio de 2024 
  5. «Prominent Lingayat seer Shivakumara Swami dies at 111». Rediff (em inglês). Consultado em 10 de maio de 2024 
  6. «Shivakumara Swamiji: 'Walking god' who believed in the power of education». The Week (em inglês). Consultado em 10 de maio de 2024 
  7. Bhuvaneshwari, S. (21 de janeiro de 2019). «Shivakumara Swami: the 'Walking God' who left no one behind». The Hindu (em inglês). ISSN 0971-751X. Consultado em 10 de maio de 2024 
  8. «Untitled Document». web.archive.org. 21 de janeiro de 2019. Consultado em 10 de maio de 2024 
  9. Bureau, Karnataka (22 de janeiro de 2019). «Shivakumara Swami: timeline». The Hindu (em inglês). ISSN 0971-751X. Consultado em 10 de maio de 2024 
  10. «108th birthday of Siddaganga mutt Seer celebrated». The Hindu (em inglês). 1 de abril de 2015. ISSN 0971-751X. Consultado em 10 de maio de 2024 
  11. «The Hindu : Karnataka / Tumkur News : Kalam hails Siddaganga seer's contribution to society». web.archive.org. 7 de novembro de 2012. Consultado em 10 de maio de 2024 
  12. https://lingayatreligion.com/Downloads/Lingayat-Movement.pdf
  13. «Siddaganga seer returns to Tumakuru». The Hindu (em inglês). 25 de junho de 2016. ISSN 0971-751X. Consultado em 10 de maio de 2024 
  14. «ನಡೆದಾಡುವ ದೇವರ ಶ್ವಾಸಕೋಶದಲ್ಲಿ ಸೋಂಕು ಪತ್ತೆ – ಶ್ರೀಗಳ ಆಪ್ತ ವೈದ್ಯರು ಸ್ಪಷ್ಟನೆ – Public TV News». web.archive.org. 30 de dezembro de 2018. Consultado em 10 de maio de 2024 
  15. «Shivakumara Swamiji death news: Karnataka declares 3-day mourning». The Times of India (em inglês). 22 de janeiro de 2019. Consultado em 10 de maio de 2024 
  16. Desk, The Hindu Net (21 de janeiro de 2019). «Siddaganga Mutt seer death: Karnataka declares holiday tomorrow». The Hindu (em inglês). ISSN 0971-751X. Consultado em 10 de maio de 2024 
  17. «Shivakumara Swami, "Walking God", Dies At 111. Politicians Unite In Grief». NDTV.com. Consultado em 10 de maio de 2024 
  18. «The Hindu : Karnataka / Mysore News : Bharat Ratna sought for Siddaganga seer». web.archive.org. 18 de outubro de 2008. Consultado em 10 de maio de 2024 
  19. Hirehalli, Devaraj B. (1 de abril de 2017). «Seer turns 110, devotees seek Bharat Ratna». The New Indian Express (em inglês). Consultado em 10 de maio de 2024 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Shivakumara Swami