Sideriano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Na escala de tempo geológico, o Sideriano é o período da era Paleoproterozoica do éon Proterozoico que está compreendido entre há 2500 milhões e 2300 milhões de anos, aproximadamente. O período Sideriano sucede a era Neoarqueana do éon Arqueano e precede o período Rhyaciano da sua era. Como os outros períodos de seu éon, não se divide em épocas.

O nome Sideriano vem do grego sideros e significa ferro, devido a existência de grande quantidade de formações de camadas de ferro neste período,produzidos pela oxidação dos oceanos causada pelo aumento na produção de oxigênio pelas algas. Este evento provocou a oxigenação dos oceanos e da atmosfera,proporcionando a "catástrofe do oxigênio" e a consecutiva extinção em massa de organismo anaeróbicos. De acordo com alguns geólogos provocou também a Glaciação Huroniana, que é a mais antiga da qual existem vestígios. Ela ocorreu entre há 2400 milhões e 2100 milhões de anos, começando durante o período Sideriano e terminando durante o período Rhyaciano, após a Catástrofe do Oxigênio. Foi uma das mais severas glaciações da história geológica da Terra e alguns geólogos acreditam que foi muito semelhante à da "Terra bola de neve" ocorrida no neoproterozoico.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

Precedido por Éon Arqueano 2.5 Ga - Éon Proterozoico - ~541 Ma Sucedido por Éon Fanerozoico
2.5 Ga - Era Paleoproterozoica - 1.6 Ga 1.6 Ga - Era Mesoproterozoica - 1.0 Ga 1.0 Ga - Era Neoproterozoica - ~541 Ma
Sideriano Rhyaciano Orosiriano Statheriano Calymmiano Ectasiano Steniano Toniano Criogeniano Ediacarano