Sonho Americano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sonho americano)
Ir para: navegação, pesquisa
Para milhões de imigrantes que chegavam nos Estados Unidos para recomeçar suas vidas, a Estátua da Liberdade era a primeira visão que tinham do seu novo país.

O Sonho Americano (em inglês: American Dream) é um ethos nacional dos Estados Unidos, uma variedade de ideais que liberdade inclui a oportunidade para o sucesso e prosperidade, maior mobilidades social para as famílias e crianças, alcançada através de trabalho duro em uma sociedade sem barreiras. Na definição do que é o "Sonho Americano", por James Truslow Adams, em 1931, afirma que "a vida deveria ser melhor e mais rica e mais completa para todos, com oportunidades para todos baseado em suas habilidades ou conquistas", independente de sua classe social ou circunstâncias do nascimento.[1]

O sonho americano é enraizado na Declaração da Independência dos Estados Unidos, que proclamou que "todos os homens são criados iguais" com direito a "vida, liberdade, propriedade e a busca pela felicidade".[2]

Referências

  1. Library of Congress. American Memory. "What is the American Dream?". Página acessada em 8 de julho de 2015.
  2. Kamp, David (April 2009). «Rethinking the American Dream». Vanity Fair. Consultado em 20 de junho de 2009. Cópia arquivada em 30 de maio de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre sociologia ou um sociólogo é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.