Tragelaphus strepsiceros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaCudo
Tragelaphus strepsiceros.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Artiodactyla
Família: Cervidae
Subfamília: Capreolinae
Género: Tragelaphus
Espécie: T. strepsiceros
Nome binomial
Tragelaphus strepsiceros
(Pallas, 1766)

O cudo [1] (Tragelaphus strepsiceros) é um grande cervídeo africano, de longos chifres espiralados e coloração avermelhada com listras verticais brancas. Também é chamado de olongo em Angola.[2][3][4]

É consideravelmente maior que a outra espécie de cudo existente, a Tragelaphus imberbis. Difere-se também daquela pelo fato de os machos, em geral, possuírem uma espécie de barba bastante visível.

Os chifres do cudo são utilizados na fabricação do xofar (ou shofar) hebreu.[5][3]


Referências

  1. «Organização das Nações Unidas» (PDF) 
  2. IUCN SSC Antelope Specialist Group (2008). «Tragelaphus strepsiceros». 22054. Consultado em 15 de março de 2013 
  3. a b Wildlife Fact File. [S.l.]: IMP Publishing Ltd. 1994. Group 1, Card 110. ISBN 08-50-04-0016 Verifique |isbn= (ajuda) 
  4. «Visualização do Texto do Diploma». www.scm.gov.ao. Consultado em 16 de outubro de 2016 
  5. «Nossa Língua Portuguesa» 
Exemplo de um xofar feito de chifre de cudo.
Ícone de esboço Este artigo sobre artiodáctilos, integrado no Projeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.