Vida baseada em carbono

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A estrutura de Lewis de um átomo de carbono, mostrando os seus quatro electrões.

O carbono é um componente-chave de toda a vida que ocorre naturalmente na Terra. Moléculas complexas estão estruturadas por carbonos ligados com outros elementos químicos, especificamente o oxigénio, o hidrogénio e o nitrogénio, sendo que o carbono é capaz de formar ligações com estes três elementos, visto possuir quatro electrões de valência.

O carbono é abundante na Terra. É também leve e relativamente pequeno em tamanho, fazendo com que seja fácil para as enzimas manipularem moléculas de carbono. É assumido em astrobiologia que a vida a existir noutro lugar do universo, seria também baseada em carbono.[1][2] Esta assumpção é referida pelos críticos como Chauvinismo do carbono.

Referências

  1. «Astrobiology». Biology Cabinet. 26 de setembro de 2006 
  2. «Polycyclic Aromatic Hydrocarbons: An Interview With Dr. Farid Salama». Astrobiology magazine. 2000 
Ícone de esboço Este artigo sobre Bioquímica é um esboço relacionado ao Projeto Química. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.