Xyloplax turnerae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Como ler uma infocaixa de taxonomiaXyloplax turnerae
Taxocaixa sem imagem
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Echinodermata
Classe: Asteroidea
Infraclasse: Concentricycloidea
Ordem: Peripodida
Família: Xyloplacidae
Género: Xyloplax
Espécie: X. turnerae
Nome binomial
Xyloplax turnerae
Rowe, Baker & Clark, 1988

Xyloplax turnerae é uma margarida-do-mar, membro da incomum classe de táxons marinhos pertencentes ao filo Echinodermata. Foi encontrado vivendo e se alimentando da decomposição de madeira naufragada numa trincheira oceânica profunda nas Bahamas.[1]

Descoberta[editar | editar código-fonte]

Uma nova espécie enigmática de equinodermo, Xyloplax medusiformis, foi descoberta no Pacífico Sul próximo à Nova Zelândia, e descrita pela primeira vez em 1986 por Baker, Rowe e Clark. A exploração de mares profundos com a ajuda de um veículo submersível levou a descoberta desta nova espécie de Xyloplax. Pedaços de madeira foram naufragados a uma profundidade de 2.066 metros em uma trincheira oceânica conhecia como Língua do Oceano entre as ilhas Andros e New Providence. Quando recuperados, renderam mais de duzentos exemplares de X. turneae.[2] Outra espécie de Xyloplax foi descoberta de maneira similar no Pacífico Nordeste, a Xyloplax janetae.[3]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre equinodermes, integrado no Projeto Invertebrados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.