Life cycle cost analysis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

A análise de custo de ciclo de vida (LCCA) tornou-se popular na década de 1960, quando as agências governamentais americanas começaram a aplicar esse conceito a compra de ferramentas. Desde então, o setor privado assimilou o LCCA, o qual aplica-se ao desenvolvimento de novos produtos, as avaliações de projeto, e a contabilidade. Dado o interesse na manutenção, a Comissão Internacional de Electrotécnica publicou o padrão estandardizado (IEC 60300) em 1996, renovando-o em 2004. Em 1998 o Deptartamento de Transporte dos EUA publicou "Análise de Custo de Ciclo de Vida aplicado aos Projetos de Pavimentação - à procura de Melhores Decisões". O LCCA tem em conta os seguintes custos: planificação, pesquisas e desenvolvimento (P&D), produção, operação (energia e mano de obra), manutenção, substituição, disposição ou reciclagem.

Ícone de esboço Este artigo sobre Administração é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.