Águilas Negras

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Águilas Negras é um termo utilizado para nomear uma série de organizações criminosas colombianas, criadas como uma nova forma de paramilitarismo, compostas por forças paramilitares novas e pré-existentes, que surgiram a partir das falhas do processo de desmobilização, entre 2004 e 2006, que teve como objetivo desarmar as Autodefesas Unidas da Colômbia (AUC).[1]

Os Águilas Negras estão intimamente associados com os cartéis de drogas e estão envolvidos em atividades de tráfico de drogas, extorsões, chantagem e sequestros. Além disso, têm atacado membros da guerrilha e supostos simpatizantes e são ditos estar estreitamente ligados aos Los Urabeños.[2] Um indivíduo que tem sido acusado de liderar os Águilas Negras é o ex-líder do AUC, Vicente Castaño[3] .

Referências

  1. «Aguilas Negras». InSight Crime. 
  2. Michael Deibert. «Amid Elections, Armed Groups Hold Colombian Town under the Gun». Inter Press Service. 
  3. (em espanhol) Vicente Castaño would be behind 'Águilas Negras' El Pais.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]