A Clergyman's Daughter

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A Clergyman's Daughter
A filha do pároco (PT)
A filha do reverendo (BR)
Autor(es) George Orwell
Idioma Inglês
País  Reino Unido
Editor Victor Gollancz
Lançamento 1935
Edição portuguesa
Tradução M. Marques da Silva
Editora Ulisseia
Lançamento 1966
Páginas 303
Edição brasileira
Tradução Álvaro Cabral
Editora Nova Fronteira
Lançamento 1985
Páginas 319

A Clergyman's Daughter (A Filha do Pároco/​A Filha de um Rei­tor[1] (título em Portugal) ou A Filha do Reverendo (título no Brasil)), é um romance escrito por George Orwell em 1935.

A Clergyman's Daughter conta a história de Dorothy Hare, a filha de um Pastor, cuja vida é virada de cabeça para baixo quando ela sofre um ataque de amnésia. É o romance mais experimental de Orwell, com um capítulo inteiramente escrito em forma dramática, no entanto não ficou satisfeito com o resultado e deixou instruções para que após a sua morte o romance não voltasse a ser reimpresso[2]

Referências

  1. «Biografia de George Orwell». Estante de Livros. Consultado em 4 de novembro de 2010 
  2. Orwell, George (1998). I Have Tried To Tell The Truth 1943–1944, The Complete Works of George Orwell. [S.l.]: London: Secker & Warburg. p. 228. ISBN 0436205521 


Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.