A Noite do Espantalho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
A Noite do Espantalho
País Brasil
Lançamento 1974
Diretor(a) Sérgio Ricardo
Gênero filme dramático

A Noite do Espantalho é um filme musical brasileiro de 1974, dirigido por Sérgio Ricardo. Foi escolhido como representante brasileiro ao Oscar de melhor filme estrangeiro na cerimônia do Oscar 1975, mas não foi indicado[1]. O enredo da trama é contado por canções compostas por Sérgio Ricardo e interpretadas por Alceu Valença e Geraldo Azevedo.

O filme se passa na cidade cenográfico de Nova Jerusalém, no sertão de Pernambuco. Na história quem manda na cidade é o Coronel Fragoso, que é dono de grande parte das terras. Com isso Fragoso avaba acreditando ser também o dono legítimo dos nordestinos que moram na região, oprimindo-os ao seu bel prazer. Nesse cenário violento onde o poder que fala mais alto é o poder da bala, o vaqueiro Zé Tulão e o jagunço Zé do Cão - braço direito do Coronel - disputarão o amor de uma mesma mulher.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Desde 1960, relembre filmes que tentaram vaga brasileira no Oscar». G1. 12 de setembro de 2016. Consultado em 28 de junho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.