Adalberto Dias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Adalberto Dias
Nome completo Adalberto da Rocha Gonçalves Dias
Nascimento 26 de março de 1953 (65 anos)
Porto
Nacionalidade Portugal portuguesa
Ocupação arquitecto

Adalberto da Rocha Gonçalves Dias (n. Porto, Março de 1953) é um arquitecto português.[1]


Biografia[editar | editar código-fonte]

Adalberto Dias é diplomado em arquitectura na Escola Superior de Belas-Artes do Porto (ESBAP).[2]

Filho de Adalberto Gonçalves Dias (1920-2005), também arquitecto e membro da ODAM. nasce no Porto em 1953. Realiza a parte escolar do Curso de Arquitectura na Escola Superior de Belas Artes do Porto entre 1970 e 1976, onde se licencia em 1981 . Colaborador permanente de Alvaro Siza durante alguns anos, inicia a sua actividade liberal no final dos anos 70. mantendo ocasionalmente a sua colaboração com A.Siza em alguns trabalhos. Realizou projectos e obras de habitação unifamiliar e colectiva, de recuperação e reabilitação de edifícios, de equipamentos e serviços, alguns dos quais premiados em concursos, e publicados no pais e no estrangeiro. Foi coordenador e arquitecto responsável da reabilitação do Porto 2001 Capital da Cultura, Praça da Batalha - Área leste A . Professor convidado em Lausanne, Veneza, Milão, Nápoles. Professor Auxiliar da Faculdade de Arquitectura da UP.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Recuperação do Edifício da Sanidade - APDL/Universidade do Porto, Leixões
  • Recuperação das Antigas Oficinas da APDL, Leixões
  • Escola Básica EB1, Sernancelhe
  • Edifício de Habitação Lote 8 - Porto
  • Residências de Estudantes da Universidade de Aveiro
  • Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade de Aveiro
  • Funicular dos Guindais, Porto
  • Casa da Justiça (1982) em São João da Madeira[2]
  • Moradia em Penha Longa
  • Moradia em Ílhavo[1]
  • Frente Medieval de Miragaia, Porto
  • Recuperação Quarteirão B, Alfama
  • Edifício Campo S. José, Barcelos
  • Edifício de Habitação Colectiva, Ofir

Prémios[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. a b c d e f «Casa em Ílhavo». Casas minimalistas en Arkinetia. Consultado em 5 de janeiro de 2012. 
  2. a b «Adalberto Dias». Infopédia. Consultado em 18 de Dezembro de 2011. 

Adalberto Dias – Arquitecturas – Caleidoscópio, 2005 Elevador dos Guindais, Caleidoscópio, 2003 Portugal, Arquitectura sec XX, Deutshes ArchiteKtur Museum/Portugal Frankfurt/CCB-1997 Luoghi d`Architettura Europea-Edizioni Carte Segrete

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) arquiteto(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.