Aglomerante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2018). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Um aglomerante, aglutinante ou ligante é um material geralmente pulverulento que tem a finalidade de aglutinação de outros materiais (agregados), influenciando, desta forma, a resistência do material resultante.[1] Um aglomerante, em contato com água, forma uma pasta, a qual é moldável e maleável, permitindo o fácil manuseamento do material. Ao se juntar areia a essa pasta, forma-se uma argamassa que, depois de seca, se torna rígida e resistente. Se, à argamassa, se juntar brita, está-se perante um material chamado "concreto" ou "betão".

Tipos[editar | editar código-fonte]

Cimento, um ligante inorgânico.

Existem vários tipos de aglomerantes, tanto relativamente à sua origem, como à forma como fazem presa.

Aglomerantes inorgânicos[editar | editar código-fonte]

  • Aglomerantes aéreos (que fazem presa em contacto com o ar)
  • Aglomerantes hidráulicos são materiais pulverulentos (pó fino) que, misturados com água, formam uma pasta capaz de endurecer por secagem natural, ou seja, provocam reação química que libera calor. Estes resistem satisfatoriamente à ação dissolvente da água.

Aglomerantes orgânicos[editar | editar código-fonte]

Aglomerantes poliméricos[editar | editar código-fonte]

São os aglomerantes que têm reação devido à polimerização de uma matriz.


Referências

  1. ASALE, RAE -. «aglomerante». Diccionario de la lengua española (em espanhol). Consultado em 18 de fevereiro de 2016