Al Khazneh

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Entrada de Al Khazneh.

Al Khazneh ("O tesouro"; em árabe: الخزنة) é uma das inúmeras construções Romanas de templos na antiga Jordânia na cidade de Petra, uma tumba escavada na face do penhasco e que recebeu uma fachada helenística com pilares.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Al Khazneh foi originalmente construído pelos Romanos como um mausoléu e cripta no início do primeiro século, durante o reinado de Aretas IV.[2] provavelmente como seu próprio mausoléu.[3][3] Existe uma urna escavada acima da entrada que de acordo com a lenda dos beduínos, contém o tesouro de um faraó.

Ícone de esboço Este artigo sobre um monumento é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

[4]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Al Khazneh

Referências

  1. John Drana. Enciclopédia da Bíblia. Loyola; ISBN 978-85-15-03612-7. p. 79.
  2. «Jordan - Touristic Sites - South of Amman». Consultado em 28 de maio de 2008. Cópia arquivada em 13 de maio de 2008 
  3. a b Fred S. Kleiner. A History of Roman Art, Enhanced Edition. Cengage Learning; 2010. ISBN 978-0-495-90987-3. p. 256.
  4. Universo Humano, pg.155