Aleksandar Mandic

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Aleksandar Mandić
Nascimento 12 de agosto de 1954 (63 anos)
São Paulo, SP
 Brasil
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Sérvia Sérvio
Ocupação Empresário
Dono do Mandic magiC
Página oficial
http://www.mandic.com.br/

Aleksandar Mandić (São Paulo, 12 de agosto de 1954) é um empreendedor brasileiro, pioneiro na área de telecomunicações. Mandić foi um dos primeiros executivos a explorar comercialmente o serviço de provedor de acesso à Internet no Brasil. Sempre muito antenado com a tecnologia, no inicio de 2013 o empreendedor lançou também o primeiro App brasileiro de compartilhamento de senhas de rede Wi-Fi, o Mandic magiC, atualmente chamado de WiFi Magic by Mandic.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido no Brasil em agosto de 1954, Aleksandar Mandić vem de uma família humilde. Sua mãe nasceu na Bielorrússia e seu pai na Sérvia. Embora seu pai tivesse uma profissão de status, arquiteto, ele nunca ganhou muito dinheiro e não teve uma carreira promissora. Percorrendo caminhos diferentes de sua família, Mandić nasceu com a veia empreendedora e com a missão de ser um executivo de sucesso. Sem nem cursar faculdade, mas sempre muito interessado em tudo que envolvia tecnologia e inovação, Aleksandar Mandić fez um curso em uma escola técnica, em São Paulo, onde se formou em 1972.[1]

No mesmo ano, iniciou sua carreira profissional, ingressando na Siemens, onde atuou na área de Automação Industrial com computadores de processo.[1] Dezoito anos depois, em 1990 ele deixou a Siemens para abrir seu próprio negócio, a MANDIC BBS [2].

Em 1996 com a chegada da Internet no Brasil, e através da sociedade com o grupo GP Investimentos, a MANDIC BBS se transformou em uma das gigantes da Internet brasileira, a MANDIC INTERNET S.A.[3]. No final dos anos 90, tanto Aleksandar Mandić quanto o GP Investimentos venderam a Mandic para uma empresa argentina, chamada O Site.[1]

Em janeiro de 2000, Mandić se tornou sócio-fundador do iG – Internet Group, onde ocupou o cargo de vice-presidente até setembro de 2001.

Já em janeiro de 2002, decidido a ter novamente seu próprio negócio, o executivo reabriu a MANDIC, só que dessa vez o foco era em e-mail corporativo. A empresa só crescia e ganhava novos clientes com um serviço de e-mail que evoluiu para a oferta de produtos de computação em nuvem. Dez anos depois, em março de 2012, o empreendedor vendeu a empresa para o fundo de investimentos Riverwood Capital, por R$ 100 milhões. Com a venda, Aleksandar Mandić comprou uma pequena participação no próprio Riverwood onde atua como conselheiro na empresa.[1]

Além disso, Aleksandar Mandić já foi candidato a deputado federal pelos Democratas em São Paulo (2010), mas não tendo sido eleito e obteve 10.981 votos (0,05% de um total de 21.317.327 votos válidos, ficando em 225º lugar).

Após a venda da empresa Mandić, aos 60 anos, seria a hora de aposentar-se e curtir a vida distante da agitação dos escritórios e das reuniões de negócios. Mas não foi isso que aconteceu. No inicio de 2013 Aleksandar Mandić criou, despretensiosamente, um App que o ajudaria como um data base para senhas de Wi-FI dos locais públicos que ele frequentasse. Então ele criou o Mandić Magic, um aplicativo gratuito que é uma rede social de compartilhamento de senhas Wi-Fi. A ideia surgiu de uma necessidade dele pois percebeu que muitas tarefas dos celulares demandam redes sem fio Wi-Fi, pois o 3G e o 4G não davam conta. O Mandić Magic funciona de uma forma simples: o aplicativo informa as senhas das conexões à internet próximas do local público onde se encontra o usuário.

Um ano após seu lançamento, o app já conta com mais de 15 milhões de usuários espalhados em quase todos os países do mundo. Para o empreendedor, os aplicativos serão o futuro dessa geração que quer fazer as coisas com agilidade e precisão. Para se ter uma ideia da dimensão dessa vertente de mercado, em 2013, os apps geraram receitas globais de US$ 26 bilhões, segundo a consultoria americana Gartner, especializada em tecnologia.

Em 2016, recebeu uma singela homenagem no seriado cômico de tecnologia norte-americano Silicon Valley (episódio 6 da 4° temporada), onde um CEO de nome George Mandic, dono da empresa "Alvarado" Sales Group, se recusa a receber os protagonistas da série que estavam procurando investidores para um app de compressão e compartilhamento de espaço em smartphones com o propósito da criação de uma "nova internet".

[editar | editar código-fonte]

Livros[editar | editar código-fonte]

1999 MANDIC.COM.BR – Um Case de Sucesso na Internet Mirian Ibañez
2003 Os Bastidores da Internet no Brasil Eduardo Vieira
2004 Artigo:  Case Studies in International
 Entrepreneurship  (Universidade de
 Harvard) 
  
2005 Como Fazer Uma Empresa Dar Certo Em Um País Incerto
2006 Mandicas Aleksandar Mandić
2008 V EGEPE Do BBS à Internet: “Start Up” da Mandic Roberto Minadeo José Marcos Carvalho de Mesquita
2009 Para Ser Grande Marina Vidi
2012 Em Busca da Melhor Cidade - Analises, Ideias e soluções para os Municipios do Brasil  Vários autores

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • 1999 - Aleksandar Mandić recebeu o prêmio "Empreendedor Master do Ano" [4] pela Ernst & Young.
  • 1999 – A MANDIC foi premiada como “Melhor Provedor IBEST 97/98”
  • 1999 - Aleksandar Mandić ganhou prêmio Casa da Universidade (Que gerou o livro escrito por ele: Mandicas)
  • 2000 - “Melhor Provedor TOP3 IBEST 98/99”, o mais importante prêmio da internet brasileira.
  • 2006 - Prêmio SUCESU 40 Anos[5] (da Associação de Usuários de Informática e Telecomunicações)

Notas e referências

  1. a b c d «"A nova aposta de Aleksandar Mandic o senhor internet"». Forbes Brasil. Consultado em 8 de maio de 2014  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "Forbes_Brasil" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "Forbes_Brasil" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  2. Com dois pés atrás no Observatório de Imprensa de 22/6/2010, acessado em Ago/2010.
  3. A nova geração high-tech no Portal Exame em 24.05.1996, acessado em Ago/2010.
  4. Ernst & Young: Prêmio no Brasil - Hall da Fama, visitado em 18 de outubro de 2007
  5. SUCESU: Ganhadores Prêmio SUCESU - 40 anos, visitado em 18 de outubro de 2007

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.