Altmetria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
O logo original no Manifesto Altmétrico

No meio acadêmico e nos estudos de comunicação científica, Altmetria[1] (termo em português para Altmetrics[2]) são métricas alternativas (alternative metrics) às mais tradicionais como as bibliométricas baseadas em citações, tais como o fator de impacto e o índice-h. Diferente dessas últimas, a altmetria tem como interesse de análise a disseminação científica de resultados de pesquisa no contexto da web social e seus recursos avaliando, por exemplo, suas menções em portais de notícias, blogs, mídias sociais e gestores de referências.

Apesar das controvérsias em torno do seu significado, a altmetria não pode ser considerada alternativa, mas complementar às métricas tradicionais consolidadas, e de nenhuma maneira uma substitui a outra[3]. Até mesmo por medirem impactos distintos, mas que se relacionam, e que, isoladas, nenhuma delas é capaz de descrever o quadro completo da comunicação científica

O termo foi usado pela primeira vez em um tweet de Jason Priem[2] e posteriormente proposto no Manifesto Altmétrico.[4] Ainda que geralmente seja pensada como métricas de artigos, elas podem ser utilizadas para autores, revistas, livros, dados, apresentações, vídeos, códigos, páginas web, instituições, etc. No Manifesto se apregoa que elas não seriam o mesmo que Webometria, porém, Gouveia (2013) propôs que a Altmetria seria um campo definido por estudos da Cientometría utilizando dados da Webometria e Cibermetria.[1] Uma das vantagens atribuídas à altmetria refere-se a possibilidade de se mensurar a interação entre o que é produzido pela academia e a sociedade em geral (não acadêmicos), diferentemente do que acontece com os indicadores tradicionais, que se dedicam, sobretudo, a estudar a relação dos impactos da produção científica no interior das comunidades científicas[5]

Referências

  1. a b Gouveia, Fábio Castro (2013). «Altmetria: métricas de produção científica para além das citações». Liinc em Revista. 9 (1): 214-227. ISSN 1808-3536. doi:10.18617/liinc.v9i1.569. Consultado em 16 de setembro de 2017 
  2. a b «Jason Priem on Twitter». Consultado em 24 de setembro de 2016 
  3. Araujo, Ronaldo Ferreira (8 de maio de 2015). «Mídias sociais e comunicação científica: análise altmétrica em artigos de periódicos da ciência da informação». Em Questão. 21 (1). 96 páginas. ISSN 1808-5245. doi:10.19132/1808-5245211.96-109 
  4. «altmetrics: a manifesto – altmetrics.org». altmetrics.org. Consultado em 24 de setembro de 2016 
  5. Maricato, João de Melo; Lima, Ethamillya Lyanna Moura (25 de abril de 2017). «Impactos da Altmetria: aspectos observados com análises de perfis no Facebook e Twitter». Informação & Sociedade: Estudos. 27 (1). ISSN 1809-4783 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]