Aluguel de veículos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde julho de 2017).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.
Uma agência da locadora Europcar

Aluguel/aluguer/locação de veículos, aluguel/aluguer/locação de automóveis ou aluguel/aluguer/locação de veículos é uma modalidade de negócio que consiste em oferecer um veículo (carro de passeio, furgões, motocicletas ou camiões) para alugar por um determinado período de tempo, normalmente curtos entre algumas horas e algumas semanas. Também são muito utilizadas as expressões em inglês rent a car, car rental e car hire.

As agências de locação situam-se geralmente nas proximidades de aeroportos, estações de trem ou ônibus (rodoviárias) e em pontos estratégicos das cidades importantes.

Modelos de negócio[editar | editar código-fonte]

As empresas de aluguel de carros operam comprando ou financiando um grande número de frota de veículos e alugando estes para seus clientes por uma taxa. As frotas podem ser estruturadas de várias maneiras - podem ser próprias (chamados de 'veículos de risco' porque a locadora assume o risco de por quanto o veículo será vendido depois que o veículo for removido de serviço), podem ser obtidos por leasing, ou mantidos sob um programa de garantia de recompra ajustado diretamente com o fabricante do veículo ou concessionário deste (estes são chamados de 'veículos de recompra' porque o fabricante define exatamente o preço de compra e recompra afinal de um período definido).

O mercado no Brasil[editar | editar código-fonte]

Em 2016, o setor de locação de automóveis contribui para a manutenção e geração de 132 mil empregos diretos e indiretos no Estado de São Paulo. O segmento recolhe anualmente R$ 3,1 bilhões em impostos e atende mais de 13,2 milhões de usuários, entre pessoas físicas e jurídicas. Boa parte do mérito para tal crescimento se deve à organização setorial da atividade.

O SINDLOC-SP[editar | editar código-fonte]

Foi no dia 30 de julho de 1991 que empresários do setor de locação de automóveis se reuniram em Assembleia Geral para definir a fundação, a base territorial e o estatuto do Sindicato das Empresas Locadoras de Veículos Automotores do Estado de São Paulo, o SINDLOC-SP.

Desde então, o SINDLOC-SP vem representando as locadoras de automóveis nas esferas legal, trabalhista e tributária, celebrando acordos nas convenções coletivas, atuando junto aos poderes constituídos em âmbito Municipal, Estadual e Federal, sempre objetivando eliminar quaisquer entraves que possam prejudicar a atividade. Oferece cursos e treinamentos, palestras e realiza eventos que propiciam a interação entre os empresários e destes com os principais fornecedores da atividade, visando manter a categoria unida, informada, atualizada e em constante crescimento sustentável.

E as conquistas do SINDLOC-SP foram se sucedendo. O sindicato obteve o Código de Entidade Sindical e filiou-se à Federação do Comércio do Estado de São Paulo em 1993. Dois anos depois, já lançava o Informe SINDLOC-SP, publicação que evoluiu para a Revista do SINDLOC-SP e até hoje é distribuída gratuitamente e com sucesso às empresas locadoras, aos dirigentes da indústria automobilística e da cadeia produtiva do turismo, aos executivos financeiros e jornalistas especializados.

Em 2011, o SINDLOC-SP comemorou seus primeiros 20 anos de atividade ininterrupta com um evento no Palácio das Indústrias, edifício histórico localizado no centro da cidade, que já abrigou a sede da Assembleia Legislativa, e a própria Prefeitura de São Paulo. Neste evento foram reunidas as diferentes gerações de empresários que hoje compõem o setor, juntamente com dirigentes das principais montadoras, das instituições financeiras, da cadeia produtiva do turismo e dos parceiros e fornecedores relacionados à indústria do aluguel de automóveis no Estado, e demais públicos provedores da atividade.

Inicialmente localizada na Praça Roosevelt, a sede do Sindicato foi transferida para a Avenida Doutor Cardoso de Melo, na Vila Olímpia, cerca de dois anos após sua fundação. Em 1999, O SINDLOC-SP mudou-se para a Rua Estela, no bairro da Vila Mariana e, de 2009 até os tempos atuais, está instalado na Praça Ramos de Azevedo, no centro da capital, em sua sede própria.

Ao longo deste tempo, o SINDLOC-SP consolidou seu compromisso com a ética e o respeito, ampliando os conceitos de qualidade e profissionalismo entre as empresas locadoras, parceiros, o mercado e a sociedade. Atualmente o SINDLOC-SP possui 3.265 empresas Afiliadas que, juntas, compõem uma frota de mais de 450 mil automóveis para locação no Estado de São Paulo.

Ao longo destes primeiros 25 anos de existência, o SINDLOC-SP vem se caracterizando pela imagem das “mangas arregaçadas”, trabalhando e redobrando esforços sem abrir mão de suas convicções e crença em um futuro de prosperidade para as empresas do setor de locação de automóveis do Estado de São Paulo. Uma história de sucesso e cada vez mais atual.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.